Um país não pode viver em meio à farsa

farsabrasileira

Michel Temer aos correspondentes estrangeiros, chamou a crise política de “desafios acidentais”. Há certo gosto pela palavra acidente, que ele já usou ao classificar como “acidente pavoroso” o massacre de presidiários.

Fernando Henrique, duas vezes presidente por eleição direta, enrola-se naquilo que seu primeiro-amigo e sócio, Sergio Motta, chamava de “masturbação sociológica“.

O mercado das delações, com a dolce vita concedida aos Batista – que continuarão, aliás,  sendo bilionários sem a empresa, que será, como eles mesmos planejavam, internacionalizada ou, para ficarmos na linguagem de açougue, “porcionada”- segue em alta temperatura, na base do “dede um e leve dois”.

O outro mercado, o financeiro, apóia a queda de juros que não caem, porque a inflação baixa, arrastada pela brutal recessão do país, num país que “subvive”, com uma legião de 14,2 milhões de desempregados.

A política passou a ser dos novos “grandes partidos”, o PPF (Partido da Polícia Federal), o PMP, do Ministério Público, e do PSTF, que teme ser dominado pelo gilmarismo. O Partido de Curitiba, que já teve dias melhores, serve agora  apenas para perseguir Lula e acalmar Cunha.

E assim viramos uma república carnavalesca, sem rumo, embriagada pelos escândalos, fantasiada de moralismo e correndo o risco de levar umas borrachadas do guarda Bolsonaro e suas agressivas milícias.

Os fracos espasmos de lucidez, que pedem uma eleição que reorganize o país pela vontade popular – no instante em que não se tem mais líderes por ela legitimados – são chamados por essa gente de “golpismo”, porque exigem emendar a Constituição, o que, claro, só é admissível para restabelecer a escravidão.

Um país imenso, rico, com uma população imensa condenada ao atraso e à brutalidade está dedicado a bisbilhotar, grampear, delatar.

Quase dá para ouvir a voz da Elis Regina, cantando para nossas elites políticas e econômicas: o Brasil não merece o Brasil…

Pensando melhor, antes vinha: “Do Brasil, S.O.S. ao Brasil”.

Comentários no Facebook

16 Respostas

  1. Carlos disse:

    Revoluções, rebeliões, revoltas não acontecem da noite para o dia apenas porque as pessoas resolveram fazer alguma coisa diferente pra se divertirem. Existe um longo processo que se desenvolve por anos, décadas até séculos e que explode em algum dia que acaba se transformando numa data histórica. A batata tá assando. São milhões e milhões de pessoas por toda a América Latina sofrendo as consequências da selvageria das minoritárias “elites brancas” que tentam manter seus povos submissos ao império. Um dia a corda vai arrebentar.

  2. Bronco Capiau disse:

    “O Brazil não merece o Brasil…”

    Aldir Blanc/ Maurício Tapajós

    Querelas do Brasil

    Elis Regina

    Disco Transversal do tempo

    1978

  3. Vicente disse:

    Num país em que os atuoproclamados “bem informados” votaram em Aécio Neves, esperar o quê?
    E esses mesmos caras de pau, eleitores do Aécio, agora vêm dizer que eleição direta não dá porque o povo não sabe escolher.
    Até agora não apareceu qualquer evidência de crime praticado por Dilma Rousseff, muito menos prova.
    É a farsa.
    Se o cara é de esquerda, é criminoso e acabou. Não há nem discussão.
    Uma classe média tão imbecil a ponto de acreditar no “fantasma Venezuela”, é capaz de tudo.
    E continuam pregando nas redes sobre o perigo do “comunismo” caso ocorra eleição direta.
    Bem, se em 13 anos o PT não conseguiu implantar o comunismo, não sei do que essa classe média tem medo.
    É um caso que nem Freud explica.

    • Bronco Capiau disse:

      E os “bem informados” da esquerda não conheciam a índole de Temer, antes deste se tornar o vice de Dilma em duas ocasioes ????

      QUEM VOTOU DILMA VOTOU TEMER!!!

      Deem um tempo tijolófilos, faz tempo que não falava isto !!

      Rá, rá, rá…

      • Vicente disse:

        É, um baita argumento esse teu.
        Quem votou na Dilma, votou na Dilma.
        O temer deu o golpe com apoio do teu Aécio. Pega o Aécio no colo e embala agora.
        Não tem vergonha não?
        Se eu tivesse votado no Aécio, baixaria a cabeça e não comentaria política por uns 5 anos.
        E leria muito pra aprender.
        Ou tu és CC do PSDB e é pago para comentar aqui?

        • Ale Nogueira disse:

          O mais incrível é que, quem votou Aécio Manda Matar também votou em Aloysio 300K, mas isso não vem ao caso.

      • Lucas disse:

        claro que ninguém achava Temer um santo. Mas escolhemos Dilma, não ele (o fulano era vice e deveria continuar sendo!). A outra opção era Aécio, lembra-se? Esse que ninguém mais dá um vintém e que já apontávamos o quão nefasto é!

      • Nina disse:

        Bronco Ernesto Alisson e quem votou no Aético Never? Cala a boca Magna!!

  4. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    Existem “acidentes” de percurso na Economia ou outra atividade qualquer. Mas Temer não é um acidente de percurso na política e na economia brasileira. Temer é uma TRAGÉDIA. Se tivesse um pingo de respeito pelo Brasil já teria renunciado. Ou melhor: convocado eleições diretas.

  5. Messias Franca de Macedo disse:

    … O que mantém a cara de pau deste canalha MT do CUnha é a certeza que este infame tem:
    a “ellite” ‘braZ$&leira’, a IMUNDA Casa Grande nativa, os(as) ‘coxinhas’, enfim, a direitona ‘NAZIonal’ não têm o mínimo de vergonha, o mínimo de respeito ao recato e à ética, desordeiros &$ bandidos avarentos que são!

    O resto é o luar de Paquetá!

  6. Rui disse:

    Estou começando a achar que a melhor solução para a extinção por completo da direita é “Fica Temer”. Com os escândalos , a atuação e as delações contra Temer a direita só perde prestígio e com certeza será reduzida a pó até 2018, com certeza, já que se mantém fiel ao comandante para o que der e vier. Depois da chifrada dos Batistas no interino, deixaram o Lula mais sossegado. Com Temer as reformas empacaram e o Mercado ficou chupando o dedo. Tá ruim, mas tá bom. Pior é entrar um forasteiro agora e com um falso marketing que eles sabem muito bem fazer, se perpetue até sei lá quando. Então deixem o homem trabalhar. Fica Temer, destrua e ajude a enterrar de vez esta direita maldita. Não era isso que os coxinhas queriam? Seja feita a vontade deles.

    • Messias Franca de Macedo disse:

      Em nota divulgada a governos estrangeiros, Janot confessa: objetivo da PGR é destruir a Odebrecht no mundo inteiro

      Escrito por Miguel do Rosário

      Na justificativa que enviou ao STF para manter em sigilo as provas referentes à colaboração premiada da Odebrecht, o procurador-geral da Republica, Rodrigo Janot, abriu o jogo: o objetivo da PGR é ajudar a destruir a maior empresa brasileira de engenharia no mundo inteiro. Com esse objetivo, a PGR fará tudo que for necessário. Enquanto o mundo inteiro faz guerra para defender os interesses de suas empresas, a nossa PGR torra o nosso dinheiro público para ajudar o mundo a destruir as nossas próprias empresas. Em Davos, Janot disse que a Lava Jato é “pró-mercado”. Sim, pode até ser, mas […]

      30/05/2017

      (…)

      FONTE [LÍMPIDA!]: blogue ‘O Cafezinho’

  7. Messias Franca de Macedo disse:

    BOMBA ANUNCIADA!

    ***

    Fernando Morais revela detalhes de reunião entre tucanos e Temer para montar novo golpe

    29 de maio de 2017

    EXCLUSIVO

    (…)
    Os principais termos do acordão são os seguintes:

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.nocaute.blog.br/brasil/exclusivo-esta-sendo-armado-novo-golpe-dentro-do-golpe-e-fora-temer-e-tucanos-no-poder.html

  8. Nina disse:

    Jony Diaz Anta esqueceu do seu ídolo coxinha Aético Never? Esso troll só podia sair do blog do Diogo Vai Tarde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *