Santayana e a venda do patrimônio da Petrobras

queima

Do mestre Mauro Santayana, em seu blog:

Os últimos três “negócios”, feitos na derradeira semana de 2016, foram a transferência de uma usina de biocombustíveis para os franceses e de duas empresas (petroquímica e têxtil) para mexicanos.

Como há que dar uma no cravo e outra na ferradura e água mole em pedra dura tanto bate até que fura, os mesmos meios de comunicação lembram que, apesar da valorização de suas ações em mais de 100% neste ano, a Petrobras deve, ainda, quatro centenas de bilhões de reais.

Ora, independentemente da questão do endividamento da Petrobras, constantemente exagerada para justificar seu desmonte, se uma empresa deve 400 bilhões, 13.6 bilhões de dólares, que não chegam a 10% desse montante pela cotação atual da moeda, arrecadados com a apressada venda de ativos estratégicos, longe de serem decisivos, são praticamente irrisórios em termos contábeis.

Sendo assim, nesse contexto, sua citação triunfal a todo momento só pode ser compreendida como mais um esforço – patético – de enganação da opinião pública, para justificar a entrega, nos próximos meses e anos, de uma fatia ainda maior do patrimônio de nossa maior empresa a concorrentes estrangeiros, sem nenhum critério estratégico e a preço de banana.

O discurso entreguista é tão contraditório, que, por um lado critica-se a “incompetência estatizante” da Petrobras, a mais premiada empresa do mundo no desenvolvimento de tecnologia para a exploração de petróleo em águas profundas, e, por outro, se transfere seus poços e empresas a estatais estrangeiras como a Statoil e para fundos de pensão também estatais como o da província de British Columbia, no Canadá, um dos novos donos dos Gasodutos do Sudeste.

A “imprensa” cita como objetivo, nesse quesito, para 2017, a “negociação”, pela Petrobras, de pouco mais de 23 bilhões de dólares em ativos.

Uma quantia que equivale a cerca de 7% das reservas internacionais brasileiras, que poderiam perfeitamente ser usados pelo governo para capitalizar a empresa sem depená-la, como a uma ave natalina, para serví-la, a preço de restaurante popular, para as multinacionais, como está sendo feito agora.

Não é por outra razão, apesar de o ano de 2016 ter sido o mais fraco das últimas décadas em exploração – a descoberta de novos poços caiu, segundo a Agência Nacional do Petróleo, em mais de 70% no ano passado, para apenas dois, devido, principalmente, à retração de atividades da Petrobras, diuturnamente atacada, vilipendiada e sabotada em várias frentes – que a parcela estrangeira na produção de petróleo no Brasil, devido, entre outras razões, à transferência de campos como Carcará a empresas multinacionais – cresceu em 14% no último ano, para 457.000 barris diários, e deve atingir em 2017, perto de 900.000 barris, ou quase a metade do que a Petrobras produz em território nacional.

Isso ocorrerá não apenas pela continuação da venda – se não houver contestação jurídica – de ativos da Petróleo Brasileiro S.A a estrangeiros, mas também pela queda intencional e programada de investimentos em exploração por parte da empresa, cuja produção crescerá – segundo prevê o “mercado” – em apenas 2% este ano.

Enquanto isso, graças à tentativa suicida – para não dizer imbecil – de repassar, imediatamente, as cotações internacionais para o consumidor brasileiro, o preço dos combustíveis continua subindo nos postos, a quase toda semana, mesmo quando o custo do barril desce no exterior.

Ou alguém já viu – sem tabelamento, eventual promoção, “batismo” ou falsificação – gasolina baixar de preço nas bombas, no Brasil?

Comentários no Facebook

22 Respostas

  1. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    2 + 2 = 5.
    Esta é a lógica dos entreguistas. Se o negócio “petrobrás” tem que ser estatizado, por que, em nome da razão, fundos de pensão estatais estrangeiros a compram? Isso é samba de crioulo doido. Mas, como no Brasil tem doido prá tudo, uma pequena parcela dos brasileiros (midiotizados por mentiras) apoiam essa ideia funesta para nossa economia e o nosso futuro.

    • Lenita disse:

      Oi FB e todos mortadelas, coragem para vocês que continuam aqui a comentar, vocês sao herois. Eu no momento nao consigo mais nem sequer ler, passo pelos titulos nos varios blogs e o estarrecimento é grande demais. Sem palavras … Qdo vejo entao Petrobras e liquidaçao total meu coraçao para de bater, fico assim sem acreditar … Uma naçao inteira deveria levantar e erguer sua voz …

  2. Alisson Souza disse:

    Pro blog ficar com um ar cult, cita-se Santayana, que é tido por alguns como intelectual de esquerda.

    Mas se esquecem que ou o cidadão é intelectual ou é de esquerda, assim como ou um país é socialista ou é país democrático.

    • Patrice L disse:

      o golpista Alissu de maneira indireta chamando-se a si mesmo de intelectual e democrata

      kkkkk

      a melhor piada de 2017 já tem dono

    • Roberto Monteiro disse:

      Então, sr. democrata intelectual de direita, nos defina socialismo e democracia para entendermos. Nesta tua visão míope de um cíclope descerebrado não é possível um país com visão socialista ser democrático ou vice-versa. Muitos países da Europa têm uma postura socialista e são muito mais democráticos que muitos países com visão direitista e neoliberais. No mundo a fora existem muito mais intelectuais de esquerda do que de direita, porque não necessariamente alguém de esquerda é socialista na acepção pura da palavra. Eu, por exemplo, tenho pensamento de esquerda mas sou favorável à livre iniciativa. Não sou socialista e sou de esquerda. Sou a favor de maior liberdade de fato, não esta que te vendem, sou a favor da diminuição das desigualdades sociais, sou a favor de cota, sou a favor das minorias, sou a favor da humanidade, sou contra o entreguismo do capital nacional. Tudo ao contrário do que tu és. E sou contra os PATETAS GOLPISTAS ENTREGUISTAS!

    • Mauricio disse:

      Então cite UM intelectual de direita seu pedaço de excremento fascista. E não venha com Villas, Pondés, Kim Becil, Merval e similares. Você tem noção do verme rastejante e patético que você é? Com seus atributos intelectuais, no máximo concorre a vaga de pedaço de merda ou de assistente de ajudante de boçalidade.

      • Rei disse:

        ALISSON JÁ CITOU VÁRIAS VEZES O INTELECTUAL DE DIREITA QUE ELE MAIS ADMIRA: OLAVO DE CARVALHO

        CULT MESMO É O GEOCENTRISMO, ASTROLOGIA, FORRÓ DE SP, ILLUMINATTI, CÉLULA DE FETO NA PEPSI…

        NÃO EXISTEM LIBERAIS NO BRASIL!!!
        QUEM ACREDITA EM ALGUÉM FALANDO EM LIBERALISMO NA GLOBO? EMPRESA QUE MAIS MAMOU NO ESTADO BRASILEIRO,
        OU LIBERAIS DA VEJA SUSTENTADOS PELO PSDB PAULISTA VIA DINHEIRO PÚBLICO… OU ITAÚ, BANCO QUE SÓ EXISTE HOJE DEPOIS DE BANCAR A DITADURA E SOBREVIVE DESDE A DÉCADA DE 90 GRAÇAS AOS JUROS ANTI-MERCADOLÓGICOS BRASILEIROS… TALVEZ O LIBERALISMO DA AMBEV, FUSÃO DO CARTEL LEGALIZADO ANTI-LIBERAL…

        O LIBERALISMO BRASILEIRO É REPRESENTADO E DEFENDIDO PELA BOA E VELHA ARISTOCRACIA ACOSTUMADA A MAMAR NO ESTADO… E QUE NÃO QUER DIVIDIR A TETA!!!

        • Mauricio disse:

          Olavo de Carvalho é tão intelectual quanto esse pedaço de excremento fascista é gente. Ainda aguardo a citação de UM intelectual de direita…

  3. Patrice L disse:

    Vídeo bajulador e subserviente no Globo online – “Por que já estamos com saudades de Obama” – contrasta com manchete da Folha – “Apenas em 2016, EUA lançaram 26.171 bombas em sete países”.

    Sabujice dos Marinhos deve ser em agradecimento aos golpes em Honduras, Paraguai, Brasil e Venezuela.

    A excelente atriz americana está mais do que certa ao detonar Trump. Nem por isso a escolha deveria ser pela também “falcão” e incentivadora de guerras e golpes Hillary.

    E assim vamos ficando sem Petrobrás, sem engenharia nacional, etc., e de volta ao servilismo e a um papel secundário no mundo.

    Parabéns golpistas e coxinhas.

    Parabéns Janaina que não vê motivos para apresentar impeachment do Temer. Quem sabe o tilintar de outros 45 mil?

  4. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    ALISSON, o intelectual democrático. É tão difícil entender que não pode existir democracia no socialismo? Democracia é o direito do povo em eleger seus governantes. Onde está escrito que no governo do PT não houve democracia? Ah, ia falar mais, mas burrice demais não dá, né?
    Mas, como você e outros coxinhas aqui festejaram a eleição do Trump, me respondam uma pergunta:
    O Trump vai implantar a receita do PT, que é a da valorização das industrias nacionais e dos produtos fabricados nos EUA, para manter os empregos americanos. Lula fez o mesmo com a indústria naval, que agora foi desmantelada pelo Temer. Como explicam essa contradição em apoiar lá nos EUA e criticar o que foi feito aqui? Falta de inteligência? Falta de informação? Por favor, expliquem isso sem enrolação, com dados concretos. Duvido que o façam.

  5. renato arthur disse:

    Ao poucos fica-se sabendo como foi dado o golpe no Brasil, e os dedos os pés e rabo da CIA vão aparecendo. De acordo Julian Assange, fundador do Wikileaks, afirma que o Brasil é o País mais espionado pelos Estados Unidos na América Latina; “A razão é o tamanho da economia e um dos motivos é o pré-sal”, diz ele; quando eclodiu o escândalo da NSA, a agência norte-americana de segurança, soube-se que a administração de Barack Obama grampeou a presidente eleita Dilma Rousseff e também monitorava a Petrobras; em outro trecho da entrevista, Assange revelou que Michel Temer teve reuniões privadas na embaixada dos Estados Unidos; “trocou informações por apoio político”.
    A Gravação de Dima e Lula pelo Moro teve equipamento de última geração da CIA, Moro trabalha em colaboração com a mesma. Assim O pre-sal já é dos americanos, a industria naval foi desmontada o submarino nuclear foi desativado voltamos para o quintal dos USA com grande vibração da Mídia que agora pede ao Moro prender o Lula p/ Brasil ficar eternamente de joelho.

  6. felipe vicente disse:

    Senhores criativos, proponham uma maneira de entidades brasileiras questionarem na justiça todas as vendas de ativos da Petrobras. A medida que isso se generalize, os gringos pularão fora de barco.

  7. Tomás disse:

    Ainda bem que há agora condições plenas de documentar com precisão a natureza, a extensão e a profundidade destes crimes. E em seu devido tempo tudo isto será cobrado aos seus criminosos autores, que haverão de pagar muito caro por seus atos contra seu próprio país.

  8. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    A Venezuela vendeu (quase de graça) as reservas de petróleo para as multinacionais. O Chaves retomou tudo de volta. Se a Venezuela pode fazer, claro que o Brasil pode.
    Ah, só lembrando: assim como o Chaves defendia a Venezuela, o Trump quer defender as empresas americanas em seu território. Deve ser frustrante um coxinha ler isso.

  9. Nai disse:

    Usaram o “patriotismo” para doar o Brasil! Quando lembro das bandeiras nacionais penduradas nas janelas e do povo de verde e amarelo na Paulista, as “reginas duarte” da vida, não tem como não pensar na quantidade de idiotas úteis deste país globotomizado, e que ainda têm a pachorra de achar que têm razão! Se a maioria deste país é de idiotas, democraticamente, merecemos todos esta desgraça!

  10. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    Em matéria de falta de conhecimento os coxinhas se superam a cada dia. Em se tratando de incoerência, idem.
    Em tempo: intelectuais de direita? Só se considerarem o Olavo de Carvalho como tal.

  11. Patrice L disse:

    A ser verdade – e o conversa afiada já suspeitava dos objetivos da ida gratuita e indecorosa dele a Portugal -, o que mais falta para impichar o Gilmar Mentes?

    No 247
    “MEMBRO DE COMITIVA, GILMAR MENDES NÃO É VISTO EM FUNERAL DE EX-PRESIDENTE”

  12. Vitor disse:

    Olha, eu não tenho conhecimento nenhum para saber se a venda dos ativos foi a preços de mercado ou de bananas (conhecendo a índole do PMDB, imagino que seja o segundo), mas falar que um abatimento de 10% da dívida da empresa é irrisório não dá. Essa radicalização de excelentes textos reduz muito o público. É necessário que os melhores analistas sejam menos passionais…

  13. renato arthur disse:

    Conheço estudantes que foram fazer engenharia, geologia, física, química e outra áreas com a esperança de trabalharem para a Petrobrás e suas subsidiárias, pois afinal o Brasil havia descoberto um gigantesco lençol petrolífero e deslumbrava um futuro promissor. Sem contar com milhares de empregos de operários especializado na construção naval, na indústria de transformação, nas refinarias e laboratórios de pesquisa. Com o golpe tudo vai sendo destruído, vendido e desmontado. Dizer que é um golpe de lesa pátria é muito pouco. É um crime hediondo em que cérebros são ceifados e sonhos despedaçados em seu lugar se oferece a miséria e uma pátria sem futuro.

  14. renato arthur disse:

    No Brasil pós golpe é tudo tão abjeto, nojento e promíscuo que Gilmar Mendes ( em que nada surpreende) diz que viajou em companhia de Temer ( réu e julgador) mas que isso não afeta o julgamento ( somos idiotas). O Moro de abraços e sorrisos com Aécio e a cúpula do PSDB julga Lula ( e por certo vai condená-lo mesmo sem prova, como afirma Merdal e Noblat , a quem Moro já ditou a sentença). Tudo de forma escancarada, ultrajante e na forma de deboche. Gilmar que foi uma comitiva as custas dos nosso dinheiro, não compareceu a cerimônia fúnebre, somente Sarney, Eliseu Quadrilha e Temer ( Mário Soares não merecia estas visitas fétidas). Temer foi a Lisboa mas não foi capaz de ir ao norte do Brasil onde ocorria crimes em que a omissão do estado é maior responsável. É o Brasil do fim do mundo.

  15. Nelson disse:

    Já de saco cheio de ouvir tanta babaquice, meu irmão começou a “dar no meio” dos coxinhas. “Pra mim, ou você é trouxa, boca aberta, ou você é sem vergonha igual à turma do Temer, PMDB, PSDB, DEM, PP, MORO, MENDES e outros”.

    Em qual dos grupos você se encaixa Hurgulino Madeira?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *