A promiscuidade Globo-MP chega ao máximo: “cadeia na TV”

carmem

O Fantástico da noite de domingo superou todos os graus imagináveis de promiscuidade entre uma emissora de televisão e uma instituição parajudicial, o Ministério Público.

O MP cedeu ao programa global todas as imagens de uma “vistoria” que realizou no presídio de Benfica, no Rio, e às celas de Sérgio Cabral, Anthony Garotinho, Jorge Picciani e de Rosinha Matheus e da mulher de Cabral, Adriana Ancelmo( na imagem reproduzida acima)

Um exposição mórbida que nenhum ser humano, nem mesmo meu pior inimigo, merece.

Carregar presos em carroças pela praça pública é prática medieval.

Não me prendo, porém, às minhas opiniões.

Uso as da presidente do Supremo, a Ministra Cármem Lúcia que, ao que tudo indica, fará cara de paisagem diante deste abuso:

Vivemos, nos tempos atuais, o Estado-espetáculo. Porque muito velozes e passáveis, as imagens têm de ser fortes. A prisão tornou-se, nesta nossa sociedade doente, de mídias e formas sem conteúdo, um ato de grande teatro que se põe como se fosse bastante a apresentação de criminosos e não a apuração e a punição dos crimes na forma da lei.(…)
O ser humano não é troféu para ser apresentado por outro, inclusive com alguns adereços que podem projetar ainda mais uma situação vexaminosa e de difamação social (Habeas Corpus nº 91.952/SP)

Se as palavras da presidente da Suprema Corte não são um exercício de hipocrisia, a esta altura a equipe do Ministério Público que entregou à Globo, para sensacionalismo, as imagens de uma ação funcional que invade a intimidade a que todo ser humano, mesmo preso, tem direito, estaria afastada.

Os juízes com a função de execução penal estariam pulando nos cascos, porque são “seus” presos, não do MP.

Quando cheguei ao governo do Estado, com Brizola, compramos uma imensa briga. É que era praxe a polícia pegar o acusado pelos cabelos e levantar seu rosto para as câmaras dos fotógrafos e para a TV.

Fomos acusados de proteger bandidos, por causa deste simples gesto de civilização.

Bandido é todo o que viola a lei em grupo (bandido, bando, grupo).

É como procede o Ministério Público, neste caso.

E bandido tem de ser punido.

 

contrib1

Comentários no Facebook

33 Respostas

  1. Alberto disse:

    Realmente, uma ação abjeta do MP e da Globo golpista. Mas isso ocorre porque não temos judiciário. Temos, sim, um departamento inquisitorial que usa o poder do Estado para perseguir seus inimigos. Procuradora Geral da República? STF? Farão “cara de paisagem”….todos farinha do mesmo saco, coniventes e partícipes desse caos institucional.

  2. Leon trotsky disse:

    É o que dá o republicanismo. Faltou a nós o ódio de classe. Claro somos todos civilizados, não é mesmo ? Nós somos os espíritos evoluídos… quem nossa tal superioridade moral e espiritual, deixamos que os bárbaros afundassem o país e a todos nós.
    Parabéns! A direita agradece nossa fantástica letargia em nome da civilidade.
    Esqueça o Brasil. Lula sofrerá tudo isso ao vivo na globo. E o PT… recorrerá ao stf em nome da democracia. E o moro continuando vivo.

    • Sergio Santos disse:

      Endosso suas palavras. Não há como negar a inaceitável covardia do PT no governo, com seu “republicanismo”. É o pescoço querendo fazer acordo com a guilhotina. Deu no que deu. E a dobradinha Legislativo/Judiciário reimplantando a escravidão ampla, geral e irrestrita e, temos que admitir, multicor.

  3. Adriana disse:

    Algumas pessoas buscam justificar ações como esta dizendo que a polícia age assim com outros presos e que não há porque agir de forma diferente com os políticos e executivos presos. Em uma inversão total de valores, essas pessoas não percebem que a igualdade da ação deve vir com a não exposição de qualquer preso. Saber que alguém decidiu apresentar essa matéria e que muitos aplaudem a forma como foi “dirigida” me assusta.

  4. Trois disse:

    Foi de embrulhar o estômago… o conluio MP&plim-plim alardeado para todo o país.

  5. Ari Couto disse:

    Isto está virando o normal: nesta semana já tivemos o show na cela do Cabral

  6. leonel disse:

    Mídia bandida, MPF bandidos, STF bandidos, meu Pai, que país é este?

  7. Luiz disse:

    Há, há. Nada aos nossos. Todo o Ricardo de nosso ódio aos nossos inimigos.

  8. João de Paiva disse:

    Como tenho dito e escrito há mais de três anos, é preciso chamar os criminosos de Estado pelo nome. A Fraude a Jato (e seus filhotes, todos bastardos, já que filhos de uma organização criminosa, em que agentes do sistema judiciário se juntaram para cometer crimes mas graves do que aqueles que supostamente investigam e julgam) é um a ORCRIM institucional; essas maltas de procuradores e policiais federais, assim como esse juízes do naipe de sérgio moro, marcelo bretas e desembargadores do TRF4 são compostas de bandidos, de criminosos enquistados e encastelados na burocracia do sistema judiciário. A Fraude a Jato e outras ORCRIMs institucionais similares são muito mais nefastas e prejudiciais ao Brasil do que TODA a corrupção que falsa e hipòcritamente os integrantes dessas ORCRIMs dizem investigar e julgar.

    As outras ORCRIMs, tão perniciosas quanto as judiciárias, são as midiáticas, encabeçadas pela globo. como ORCRIMs que são, as midiáticas e judiciárias agem em parceria, como mostrado neste post.

  9. Valdir MG disse:

    Com a palavra o STF. Isto é inadmissível. Estão brincando com a dignidade da pessoa humana. Não importa o que a pessoa tenha feito, ela merece mesmo presa ser respeitada. Infelizmente este lixo chamado Rede Globo (Golpe) de Televisão é quem realmente detém o Poder no Brasil. Esta concessão pública dada aos srs marinhos precisa acabar.

    • Carlão disse:

      A globo é o real poder desse país. O poder que efetivamente manda em todos os outros(executivo,legislativo e judiciário).

  10. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    Bandido bom é bandido morto. Tá com pena, leva prá tua casa. A esquerda tem bandido de estimação. Você é comunista, etc etc etc.
    Alguém lembra de mais alguma frase criativa vinda desses imbecis de carteirinha? Parece-me que esses idiotas sentem prazer em serem tão burros e estúpidos. São tão ignorantes que não entendem o que se discute aqui. Brito, pelo amor de Deus, bloqueia essas malas. Não tem sentido algum ter que ler esses débeis mentais.

  11. Benedito disse:

    “Ninguém será submetido a tortura nem a tratamento desumano ou degradante” CONSTITUIÇÃO FEDETAL – artigo quinto.

    Se isso não é tratamento degradante…

  12. Henrique disse:

    O Ministério Público investiga, julga e executa. Avoca funções e prescinde da Polícia Federal e do Judiciário (com a complacência deste). Não vivemos numa república, pois não há equilíbrio entre poderes. Existe esse 4º poder, que hoje mostra-se com peso muito maior do que os demais. Acaba por legislar também, quando defende teses esdrúxulas, baseadas em convicção e em delações sem provas.

  13. dinio disse:

    Na Parceria CRIMINOSA do MP = Ministério da Privada, com a Facção Marinho Propineira e Corrupta, fica escancarado o ABUSO DE PODER, que este mesmo Poder não quer ver aprovado na Lei do Congresso. Pergunta básica: Se fosse A CELA de um Membro do MP, como o MARCELO MILLER -Ex-acessor de Janor, $uspeito no rolo com a delação da JB$ – O MP entregaria o VÍDEO À GLOBANDIDA ???

  14. dinio disse:

    Fal$o$ Moralistas hoje devem estar em seus trabalhos vociferando em “exibicionismo Pavonal” ao nível de Moro e Dr, Enrolol Power Point: “…mas tu viste ontem no Fantástico, a Globo mostrou as celas do sem vergonhas…” Boçais Globais de Plantão, não percebem que a Facção Marinho USA suas CABEÇAS LATRINAS, para EXATAMENTE propagar a IMAGEM de um Grupo de Mídia preocupado com a HONESTIDADE, ÉTICA e ANTI-CORRUPÇÃO …Esquecem o FIFAGATE…entre outros ROLOS GLOBAIS !!! É a Ração Dominical para começarem a semana…BEM ENROLADOS !!!

  15. cunha e silva disse:

    Agora imaginem o que vai acontecer com o processo FIFA/Globo que foi enviado ao MP do Rio de Janeiro . Vai ser bem parecido com aquele da Receita Federal ?. ou da Mossac Fonseca ? . MP do Rio tudo a ver .

  16. Eduardo disse:

    A Ministra Carmen Lúcia, de índole respeitãvel, de princípios humanitários valorosos, de senso inquestionãvel de justiça, de douta formação jurídica, enfim uma plena ministra de justiça, da qual todos os brasileiros esperam atos que correspondam ao seu caráter e honestidade, não se manterá entrincheirada diante da insensatez do MP e da Globo, visto que ambos conhecem profundamente as leis brasileiras, portanto cometeram conscientemente gravíssimo crime contra os direitos humanos e a cidadania. Respeitável e brilhante ministra, diga-me como agirás para que eu possa continuar dizendo quem és!

  17. Maria Rita disse:

    Se a exposição do próprio discurso (hipócrita até a medula) da Dra. Carmem Lúcia não surtir efeito, mesmo que hipocritamente, então é o fim do STF, da justiça e o escambau.

  18. betinho disse:

    Eu só queria lembrar, mas sem defender, q Garotinho foi talvez o único político (depois do Brizola) q teve culhão pra detonar a Globo ao vivo NA PRÓPRIA GLOBO!!
    A emissora golpista não esqueceu e ontem o exibiu como troféu!!

  19. Hcc disse:

    Eles chegaram a isso. O mais baixo do mais baixo possível.

    • Caetano te acha burro disse:

      Nunca diga que pior não fica… Quando chegamos ao fundo do poço, sempre tem um fdp com uma pá pra cavocar mais

  20. HOCUS POCUS disse:

    A miséria moral que representa o golpe ,com todos seus atores incluídos,é infinita.
    Mas também é infinita A COVARDIA desta massa que alguma vez , foi povo.
    Temos o que merecemos , é o nosso auto-elogiado ,”jogo de cintura” aquele “jeitinho” de ir levando as coisas ,sobrevivendo ,somos “malandros”, nós orgulhamos disso.O fim disto não chegará pela massa ( ela não virará povo) ,provavelmente será quando o golpe se esgote em si mesmo ,ou já não tenha nada mais a ser surrupiado.

  21. Paulo Lima disse:

    Quem terá sido o juiz que julgou a ex-funcionária da Receita no RJ -Maria Cristina Ribeiro Menicke, se não me falha a memória- pelo flagrante, em 2002/3(?), de roubo dos autos do volumoso processo instaurado pela Receita Federal contra a Globo? Parece que a ré, condenada, não passou mais que um dia na prisão. Será que seu processo também sumiu dos arquivos judiciais? Os irmãos Marinho, e o jornalista Ali Kamel (homônimo -parente,filho?- de um já idoso sírio preso, com sua mulher, por 3 dias em fevereiro/março de 2003, após comprovada revelação de venda de passaportes brasileiros aqui a refugiados sírios migrantes para o USA como se nascidos no Brasil fossem), não contam mais com a empáfia do já não mais insuspeito de racismo William Waack mas ainda produzem jornalismo escancaradamente desonesto e ultrajante à dignidade humana, descumprindo normas e preceitos recomendados pelas Cortes de Direito Internacional no trato de prisioneiros, também esquecidos pelos operadores do judiciário no Brasil quando associados informalmente a empresas de comunicação que atuam em desrespeito à cidadania, enxovalhando a informação e a verdadeira justiça.

    Segundo gravações da entrevista a jornalistas na sede da PF/SC pela delegada-estrela Makarena, responsável pela operação Ouvidos Moucos, após deslocar 100 agentes da PF de todo o Brasil para efetuar prisão de 6 professores da UFSC, inclusive o reitor Cancellier, foi dito que o montante da corrupção a ser investigado seria 500 mil de um total de 80 milhões destinados ao programa de ensino á distancia desde seu início em 2002. E a Globo muito tendenciosamente noticiou, com imagens ao vivo, os 80 milhões. Foi ao jornal O Globo que o atormentado reitor redigiu sua última carta como tentativa de um tipo de merecida retratação publicada após irreparável ataque à dignidade humana tão grave e sensacionalisticamente ultrajada e amesquinhada nas telas e´vozes inescrupulosas. Seu derradeiro gesto com o simples bilhete encontrado dirigia-se a consciência nacional, para que mantenhamos olhos e ouvidos bem abertos, fortalecendo corpo e alma, politicamente, com o amargor da realidade, mas com a vontade da inteligência.
    Pela lei Cancellier, pelo Referendo Revogatório, abaixo o golpe.

    • Paulo Lima disse:

      ERRATA- O episódio de prisão preventiva e rápida soltura no RJ do homônimo Ali Kamel, idoso sírio e esposa síria de meia-idade, ocorreu e foi noticiado como ocorrência da PF, discretamente, pela TV Globo no exato ano 2015, e não o 2003 como narrado acima, na intenção de que o jornalismo apresente a verdade dos fatos, e não apenas um lado, o mais fácil, e para que ninguém mais lucre com o martírio alheio. O sofrimento da população SÍria com a evolução da guerra, já era muito grande, e foram mais uma vez vítimas, no Brasil, de seus próprios compatriotas.

  22. C.Poivre disse:

    Na verdade o MP não é uma instituição “parajudicial” e sim parte do trio que conforma o sistema judicial: PF-MP-Judiciário, e se fosse num país civilizado seria: PF-MP-Advogado-Judiciário.

  23. Pafúncio Brasileiro disse:

    Os imbecilizadores profissionais estão comemorando. Direitos básicos, que deveriam valer para todos (queiram ser presos ou libertos), são violados a olho nú e os imbecilizados acham isso tudo normal e não se dão a mínima autocrítica. Perderam esta capacidade. Prender, prender, este é o lema. Esta é a solução de todos os problemas, para os imbecis. Tudo se resume a isso. A que ponto chegamos !

  24. Carmizeth Ferreira Marinho disse:

    Eu vi parte da reportagem e fiquei chocada com a brutal exposição da elite, em mostrar que eles são mais poderosos, que quem manda no bode são eles. A vingança contra Garotinho mão deixa dúvidas! De forma semelhante fizeram com Zé Dirceu várias vezes mostrando e descrevendo a sela com todos os detalhes da latrina, bastava o PT, ou Lula se manifestar para que fizessem mais tomada de reportagem sobre Zé Dirceu, Vaccari, etc. Para que mostrassem a latrina da sela dos preços. É mesmo como disse o Tijolaço, tem que exibir os presos em praça pública. Estranhamente,não mostram a latrina que Eduardo Cunha usa, ou que nunca usou e até já estão falando em redução de pena. Seja lá o que garotinho fez, ele foi corajoso desde uma entrevista que deu para a rede globo, ele provou que o poder da globo é coisa de máfia que fica impune.

  25. Carlos disse:

    O povo brasileiro não pode pagar um tal ministério público que é o mais caro do mundo, que só serve pra fazer planilha de computador pra servir como prova, a meu juízo um documento para provar algo tem que ter assinatura da pessoa e firma reconhecida, fora isso não se pode considerar uma prova. Eu só vejo um caminho para o povo brasileiro instinguir esse tal MPF porque não serve pra nada.

  26. Gersier disse:

    Num pais com P maíúsculo aconteceria o seguinte. Esse câncer que abjeta a democracia e que se acha uma emissora de televisão, seria processada via uma justiça bem dioferente desse arremedo de ju$ti$$a que atualmente infesta os tribunais brasileiros. Segundo, esses FDP que cederam, as imagens também pagariam por suas cafajestagem. Mas como estamos vivendo num arremedo de república que voltou a ser colônia, onde os espírito de vira latas servís fala mais alto, nada acontecerá. É por isso que esses FDP perseguem o Lula e a Dilma.

  27. Bel disse:

    Olha o que a grande mídia ajudou a criar: MBL PLAGIA VÍDEO DO ESTADO ISLÂMICO
    http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/329604/DCM-MBL-plagia-v%C3%ADdeo-do-Estado-Isl%C3%A2mico.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *