Policial “anônimo” ameaça na Globo possível novo diretor da PF

natuza

Veja como nossas instituições “estão funcionando”.

A jornalista Natuza Nery, no Jornal das Dez da Globonews leu uma mensagem  de, segundo ela, um policial federal – anônimo, é claro – que disse que se o governo nomear um novo diretor para a Polícia Federal que queira interferir na ação dos delegados que investigam a Lava Jato, ele será “o primeiro diretor da PF preso no cargo”

Inacreditável: a imprensa trata com naturalidade dominical  um agente policial ameaçar de prisão seus eventuais chefes não por atos, mas por supostas intenções.

Antigamente, em tempos idos, julgava-se que, nas instituições armadas, hierarquia e disciplina eram essenciais.

Nestes dias presentes, onde há generais ansiosos por receber ordens de um ex-capitão tresloucado, já não digo mais nada.

contrib1

Comentários no Facebook