Os “porcos socialistas” e os “burros antibolivarianos”: a notícia falsa da pasta de dentes do Chávez

pasta

A estupidez ideológica que vai tomando conta da imprensa brasileira, se é de chorar todo dia, tem hora em que é para rir.

O Portal Imprensa informa que o UOL e mais dois jornais eletrônicos publicaram “declarações” da Ministra da Saúde da Venezuela, que a falta de pasta de dentes nos mercados do país era pelo fato de pessoas escovarem os dentes três vezes por dia e culpa de “dentistas mal-intencionados e do capitalismo selvagem que nos leva a um consumismo extremo”.

Como estes esquerdistas, sobretudo os venezuelanos, são “capazes de tudo”, não carece de confirmação.

Bem, o “raciocínio” é assim: é da Venezuela e do governo chavista, tem de ser verdade.

Só que não.

Era só uma palhaçada do site Un Mundo Triangular – uma gozação semelhante ao nosso Sensacionalista.

Pura e simplesmente copiaram a piada como “coisa séria”.

É o “Boimate” ideológico.

Afinal, os bolivarianos, além de comerem criancinhas, não devem escovar os dentes depois.

Ou só uma vez ao dia, no máximo.

 

 

 

Posts relacionados...

Comentários no Facebook

24 Respostas

  1. Hosana disse:

    Fala serio! Inacreditavel! Que coisa ridícula! O jornalista que veicula essas notícias não tem um mínimo de prurido !

    • Heitor disse:

      Se fosse um veículo de comunicação sério, o demitiria.

      Mas como não passa de mal intencionado, é capaz de promovê-lo.

  2. Alisson Souza disse:

    Maduro não come criancinhas. Ele as aliena impedindo-as de ler HQs. Para ele, como para Chávez, herói, só o Super-Bolivar.

    • Gerson disse:

      Simon Bolívar foi um super herói latino-americano mesmo. Levou vários países a independência da exploração da Espanha.
      E para ti fascista, quais são os teus heróis? Ah já sei, Médici, Costa e Silva, Pinochet, Bolsoasno, FHC, Serra, Aécioporto…quem mais?

    • Saulo disse:

      Zé Panela, vc é estúpido demais pra falar de algum outro país. Não sabe nem o que é o Brasil.

    • paulo disse:

      O Alisson vc sempre está por aqui a conjecturar suas doenças…..mas depois do que o Gerson te respondeu vc deveria sumir daqui do Tijolaço e continuar lá no excremento da VEJA onde é seu lugar.

    • Danilo Stinghen disse:

      Vaya! Monito, no sabéis que no se puede acreditar en lo que leéis en el pig?

      Trocando em miúdos… O nego tem mesmo é que ser muito burro pra acreditar numa macacada dessas. Ô alissu, vai dar um passeio lá no blog do professor Hariovaldo. Daí volte aqui comentado. Entretenha-nos.

    • Roberto Monteiro disse:

      E sobre o erro mal intencionado dos portais, o bossal não escreve nada. Vem com outra historia diversionista. A mim não engana esse leitor e defensor da mídia bandida.

    • Nelson disse:

      Maduro aliena as criancinhas “impedindo-as de ler HQs. Meu Deus! Chamem o Freud.

      O que é a maioria das HQs se não pura alienação?

  3. CaRLos disse:

    Eu estava analisando e verifico que essa onda anticomunista veio de lá dos EUA. É incrível como uma pessoa simples também entrou nesta onda. Eu fico admirado quando converso e vejo essas reações partindo de pessoas sem muita instrução. Esta corja midiática conseguiu envenenar toda uma população. Um outro assunto que irei emendar: Fernando, verifique os delegados dessa operação “triplex”. Será que tem alguns daqueles que postaram aquelas mensagens no “Face”, nas eleições passadas? Daria uma excelente matéria e reforçaria a nossa tese de que pau que bate em chico, NÃO bate em Francisco.

  4. Tomás disse:

    As oficinas antichavistas de desinformação estão sempre atentas a tudo aquilo que possa ser distorcido e espalhado pelo mundo com sinal trocado. Tais oficinas funcionam em Nova Iorque e esta pequena manipulação não deve ter sido bolada no Brasil. Isto deve ter percorrido o mundo em todos os idiomas, por que é assim, com pequenas coisas do cotidiano, que se desmoraliza um país e se destrói a imagem de seu governo.

  5. Cunha disse:

    Imagine se eles postassem essa do mesmo site: http://unmundotriangular.blogspot.com.br/2015/12/cubanos-denuncian-que-las-paginas-porno.html
    Seria um rombo de reporcagem!????

  6. alcarpinteiro disse:

    acho que entregaram o jornal aos estagiários. Redução de custos.
    Jornal não se desculpa. Para superar uma barriga, eles criam outra. No máximo, a folha dirá que na impossibilidade de provar que a ministra não deu a declaração, ela não admitirá o erro.

  7. Batista disse:

    Pior que o soneto dental ficou a emenda débil mental da Folha para não explicar e disfarçar a latrina em que está metida com o rabo preso, solto e totalmente chamuscado.

  8. Djijo disse:

    O Uol não é tão inocente assim. Vale tudo para agredir o governo do País que eles não gostam. Se alguém reclamar eles simplesmente dizem que se enganaram.

  9. Maria Rita disse:

    Se De Gaulle estivesse vivo não diria mais que um país não é sério. Quem não é e talvez nunca tenha sido séria, é a mídia. A nossa então, é campeã em má fé e calúnia.

  10. José Luis Pereira disse:

    Pois eu escutei essa espetacular reportagem internacional do UOL em uma rádio que nem sei qual é, dessas que leem conteúdo de portais. É espantoso. Se um “jornalismo” não tem capacidade de apurar se uma postagem na internet é piada ou verdade, qual seria sua credibilidade diante do desafio de fazer uma reportagem honesta, verossímil?

  11. revenger disse:

    Meu sonho nos anos 80 era de ser jornalista, pois havia trabalhado em jornal e dado uma namorada numa jornalista. Achava os caras descolados e bem intelectuais.

    Se hoje, pra ser jornalista de facebook é assim, ficaria envergonhado. É boimate, é entrevista com Felipão sósia, é um “eles sabiam de tudo” Deus do Céu!

    Que bom que os bons jornalistas das antiga tão indo pros blogs “sujos”!

  12. Nelson disse:

    A ânsia em denegrir a imagem da Venezuela bolivariana é tanta, fanática, mesmo, que eles não querem nem saber de perder tempo checando as informações. O negócio é “meter o pau”. Aí, ficam sujeitos a uma “barrigada” dessas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *