Ódio da mídia chega à escatologia. Agora, vaso sanitário é “banheiro de luxo” para Dirceu

nojo

A minha profissão, em alguns veículos de comunicação, tornou-se algo nojento.

Porque há “jornalistas” que se prestam ao papel de carcereiros sádicos.

E, para que não pese apenas sobre eles, também doutos promotores do Ministério Público Federal tornaram-se “fiscais de latrina”.

Na esteira de imundície feita na Veja, que “denunciou” que José Dirceu tem o “privilégio” de poder usar um vaso sanitário, agora é O Globo que difunde uma história pateticamente imunda.

É a do “banheiro de luxo” que estaria sendo construído na Papuda para atender às necessidades de José Dirceu.

A história é toda uma intriga porca.

Ano passado, o próprio MP exigiu da administração penitenciária que a área do arquivo do órgão fosse transformada em celas, pela precariedade da prisão.

Depois de tentar preservar seu arquivo, a Secretaria Penitenciária comunicou, em janeiro deste ano,  que estava fazendo as obras solicitadas.

Mas agora, segundo o jornal, o MP “descobriu” em 21 de fevereiro, que estaria sendo feita a tal “ala de luxo”, onde se supõe que iria servir a Dirceu como cela.

E, entre os absurdos da matéria, há a denúncia do “imperial” banheiro que você vê na foto, que estaria em desacordo com as normas penais, entre outras coisas, por ter um vaso sanitário elevado e “privativo”, o que seria proibido.

O repórter que escreveu a matéria, se tive algum interesse em ser equilibrado, perguntaria: “que norma é essa?”.

Não existe tal norma, a norma existente (que pode ser baixada aqui) diz o contrário: que cada cela, individual ou coletiva, deve ter banheiro próprio, assim como lavatório, podendo ter ou não chuveiro exclusivo, no caso de cela masculina, enquanto no feminino é obrigatório que seja assim.

É triste que um profissional de imprensa e um promotor de Justiça transformem em “escândalo” haver um vaso sanitário para um ser humano que está confinado.

E, pior, que faça uma exploração por isso estar num setor prisional de regime fechado, onde Dirceu, condenado ao semi-aberto, não estaria se a Vara de Execuções Penais, inspirada nas orientações de Joaquim Barbosa, não estivesse procrastinando a autorização para que ele trabalhe fora do presídio.

Quando o ex-governador José Roberto Arruda esteve preso, seu advogado denunciou que ele estava numa “masmorra”.

A Polícia Federal enviou fotos da cela ao MP, que as divulgou.

Nela, havia, ” uma mesa, uma cadeira, um beliche, um sofá, um frigobar, um armário e ar-condicionado”.

Nem o MP, nem a Veja, nem O Globo fizeram disso um escândalo.

Se Dirceu tivesse metade do que tinha Arruda, estariam dizendo que ele ficava em “uma cela-palácio, nababesca”.

Sinceramente, tenho vergonha de estar escrevendo sobre isso, mesmo que seja para defender os valores mínimos da dignidade humana.

Envergonha-me ver que o jornalismo e o Ministério Público se prestam a este papel de fiscais de latrina.

Perdoe-me, só o faço por nojo de algo muito mais sujo: o ódio insano e desumano que leva pessoas a isso.

PS. A propósito, transcrevo trecho do sadio artigo de Ricardo Melo, hoje, na Folha, onde a exploração sórdida daVeja é também esmiuçada.

O linchamento de José Dirceu

Ricardo Mello

É difícil encarar com naturalidade a cobertura dispensada a presos do chamado mensalão

Irritados com o que consideram manipulação da mídia, vários interlocutores afirmam ter deixado de ler a publicação x ou y. Trata-se de um luxo vedado a jornalistas. Concordando ou discordando, somos permanentemente obrigados a passar os olhos, que seja, pelo maior número possível de publicações. Até para poder comentar, criticar, elogiar ou simplesmente nos informar.

Ainda assim, é difícil encarar com naturalidade a cobertura dispensada a presos do chamado mensalão. Sim, é dela mesma que eu falo: da reportagem de capa da revista de maior circulação nacional sobre a vida na cadeia do ex-ministro José Dirceu e outros condenados.

Com um tom acusatório, a revista brinda os seus leitores com frases do tipo: “Lá ele [José Dirceu] gasta o tempo em animadas conversas, especialmente com seus companheiros do mensalão [….] só interrompe as sessões de leitura para receber visitas, muitas delas fora do horário regulamentar e sem registro oficial algum, e para fazer suas refeições, especialmente preparadas para ele e os comparsas. “O cardápio? Aqui já teve até picanha e peixada feitas exclusivamente para eles’, conta um servidor”.

A lista de pretensas mordomias não tem fim, bem como o ridículo da reportagem. “Como o lugar fica longe dos olhos dos presos comuns, os mensaleiros podem desfrutar o tratamento especial sem que seus colegas de prisão reclamem. Dentro da cela, já foram recolhidos restos de lanche do McDonald’s”. Não, não escrevi errado. A transcrição está exata. Prova do tratamento diferenciado, especial, transgressor, ilegal dos presos estão “restos de lanche do McDonald’s”!

A coisa não fica por aí. “No banheiro, em vez da latrina encravada no chão, que os detentos chamam de boi’, há um civilizado vaso sanitário.” A reportagem não esclarece se entre os privilégios está o uso de papel higiênico. Mas Dirceu não é o único alvo. Sobra também para o ex-deputado petista José Genoino. “Numa conversa entreouvida por um servidor, um médico que atendia Genoino revelou ter escutado do próprio petista a admissão de que deixara de tomar alguns remédios para provocar uma arritmia cardíaca e, assim, poder pleitear a prisão domiciliar.”

Comentários no Facebook

28 Respostas

  1. JoãoP disse:

    Parabéns ao Fernando Brito e ao Ricardo Melo, por fazerem jornalismo decente, honesto.
    Quanto `a matéria da asquerosa “veja”, fico com uma dúvida: o que é mais imcompreensível, existir alguém que escreve aquilo ou exitirem muitos que pagam para ler aquilo? Mais imcompreensível ainda: o suado dinheiro público sustentando esse lixo.

  2. Angela disse:

    Oi, Fernando, nem vc nem Ricardo Melo fizeram a apuração corretinha!
    Não há privilégio para o papel higiênico, porque na papuda estão substituindo esse artigo de luxo por folhas soltas da revista veja.
    Se bem que, pela qualidade e pela tinta, nem pra isso deve servir…

    • mattarazzo disse:

      KKKKKKKkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Vai dar uma infecção nesta galera por usar tal material ‘higiênico’ tão sujo….

  3. Walfredo disse:

    Está chegando o dia em que os heróis petistas saíram do cárcere para os braços do povo.

  4. HELBERT FAGUNDES disse:

    Boa tarde,

    alguém conhece direitos humanos? Não vejo nada nesse banheiro e referente a masmorra também não. Mas quanto ao banheiro no geral os presos brasileiros são tratados desumanos, digo os não de alta periculosidade, pois esses deve ser julgados e condenados a pena de morte, mas Dirceu seu banheiro, para dormi a noite não tem nada de mais.

  5. carlos-fort-ce disse:

    ei, ei … só a lei dos médios para acabar, fernando, com
    essa patifaria. se queixar a quem? o cnj? só restam os tribunais internacionais. antes disso ainda temos que enfrentar a guerra do marco civil da internet.é dose, mas não podemos esmorecer. à luta, então!

  6. Thiago Teixeira disse:

    O cara está preso … não basta? Então vamos convencer o Barbosa a aplicar pena de morte por apedrejamento. Mesmo assim vão analisar as pedras e questionar quanto ao grau de dureza e aspereza da mesma.

  7. Colombo disse:

    Nada de regalias.
    Dirceu deve ser condenado também a prisão de ventre.

  8. Macunaima disse:

    Dirceu. guerreiro do povo brasileiro!

  9. Maralina Matoso disse:

    Estou passada!

    Tudo que foi escrito é horrendo, mas o que mais me chocou é dar voz a uma fofoca (se é que existiu mesmo) de que um cardíaco deixa de tomar um remédio para provocar um mal estar para se aproveitar disso…mas como?

    Quem em sã consciência provocaria a própria morte? Que paradoxo! Eu quero me livrar de um lugar, para isso, eu morro.

    Em que direção está indo o mundo, hein?

  10. marco disse:

    O que esperar de pessoas,as que trabalham nesses LIXOS,tipo Veja,Globo,Estadão,e todos os outros do pig,habituados a estar pendurados nas GENITÁLIAS de seus patrões e que se amanha,estiverem no olho da rua,vão alegar que não sabiam.Desonestos não sentem vergonha de nada.Estou falando de todos os que trabalham nestes lixos.Do Chefe,ao porteiro,todos meros puxa-sacos.E se orgulham disso!

  11. Messias Franca de Macedo disse:

    Os golpistas/fascistas são psicopatas, além de covardes canalhas!

    NÃO ADIANTA PROTELAR A DECISÃO: a nação brasileira tem que – imediata e necessariamente – recorrer à ONU, às Cortes Internacionais e às Entidades Mundiais vinculadas aos Direitos Humanos, à civilidade e à democracia! ESTES RATOS continuarão a agir DESCARADAMENTE sob o arrepio das Leis, banda podre e delinquente da “Justiça” mancomunada sordidamente com o PIGolpista! SALAFRÁRIOS IMUNDOS! São CRIMINOSOS CONTUMAZES E INESCRUPULOSOS! Bandidos desalmados, ENERGÚMENOS COVARDES e PILANTRAS!…

    EM TEMPO GOLPISTA: 22 anos de cadeia para o DEMoTUCANO eduardo AZARedo, e os comparsas da DIREITONA ainda arrotam [pseudo-]decência!… Pulhas das ‘Merdas do Mundo’!…

    RESCALDO: qual é a Lei que estabelece a prerrogativa de se tripudiar sobre um presidiário?… O barbosinha, a escrota ‘veja’ da MARGINAL et caterva são inimputáveis?!…

    República de ‘Nois’ Bananas
    Bahia, Feira de Santana
    Messias Franca de Macedo

  12. Messias Franca de Macedo disse:

    … O governo federal e empresas da União ainda anunciam neste folhetim assumidamente fascista?!…

    “‘Nois’ merece!”

    República de ‘Nois’ Bananas
    Bahia, Feira de Santana
    Messias Franca de Macedo

  13. Maurílio de Carvalho disse:

    Também sou jornalista e, cada vez mais, tenho vergonha da profissão, justamente porque muitos de nós estão jogando no lixo o compromisso social que o Jornalismo tem. Há muito tempo a ética, a honestidade e a informação não fazem mais parte dos manuais de redação, principalmente da grande imprensa. O que mais me deixa triste é que muitos jornalistas sentem prazer em mentir, deturpar a informação e até mesmo de inventar matérias, como foram os casos do telefonema e da comida do José Dirceu. Posição ideológica é uma coisa, mentira e desonestidade é outra muito diferente.
    Daqui a 50 anos, a Globo vai fazer o mea culpa em relação ao “Mentirão”, como fez com o golpe de 64?

  14. LilianV disse:

    É inacreditável estarmos presenciando essa barbárie. E bastaria apenas aos cidadãos refletirem para enfim concluírem que esse mensalão foi uma invenção para justificar o linchamento público destes homens. Não era necessário ir muito longe, a denúncia em si já não fazia o menor sentido, quem dirá o julgamento.

  15. Ottoney Carvalho Peixoto disse:

    Tenho quase certeza que o editor chefe da veja é o capeta em pessoa. Vade retro!

  16. Luiz Rogerio disse:

    No meu tempo dava o nome à essas pessoas de “guarda bostas”…

  17. Ana Maria disse:

    Não são jornalistas são ratos de porão, serviçais sem ética.

  18. Bufão disse:

    Pois é Fernando. Sabe qual o objetivo de falarem desse banheiro de luxo? Esquecermos daquele outro de 90 mil!

  19. Elder disse:

    O engraçado é ver a veja, que é uma verdadeira Latrina, se incomodar com o vaso sanitário da Papuda. Sugiro que o panfleto da Abril passe a se chamar CLOACA.

  20. Apolônio disse:

    Acho que já está passando da hora, deste defensor de Dirceu, ser mais incisivo. Fazer um relatório do que está acontecendo, com seu constituinte, inclusive, sabemos que este constituinte, é também advogado, requerer também a urgente intervenção da OAB, pois o que está acontecendo, fere os mais comezinhos princípios dos direitos humanos, ainda mais, Dirceu encontra-se também amparado pelo Estatuto do Idoso. Deve inclusive o defensor fazer um relatório para os órgãos dos direitos humanos, aqui e fora do país. Acho que está na hora de artistas, intelectuais, políticos, professores, juristas e membros do povo assinarem um requerimento sobre a situação de Dirceu e protocolar na Procuradoria, no Supremo, no Senado e na Câmara. Isto não pode ficar assim. Deve levar esse caso também para o conselho Nacional do Ministério Público, bem como o CNJ

  21. ricardo silveira disse:

    Quando Joaquim Barbosa será processado, condenado e preso, pois o crime de manipular as penas dos réus ele já confessou.

  22. Márcio Penante disse:

    O jornalismo brasileiro deveria estar de luto. Vivemos dias em que alguns miseráveis dos estúdios e das redações se destacam pela agressividade e a ousadia de escandalizar e mistificar sem pudores ou limites. A insistência das capas, explorando sempre os mesmos personagens, tingidas nas mesmas cores, prova o aviltamento da profissão. Matérias e reportagens que estimulem a reflexão cidadã estão quase extintas.
    Tudo isto dá nojo, canseira e, até, muito dó das pobres almas que têm de se submeter a tão mesquinhos e subalternos interesses do patronato.

  23. Márcio Penante disse:

    O jornalismo brasileiro deveria estar de luto. Vivemos dias em que alguns miseráveis dos estúdios e das redações se destacam pela agressividade e a ousadia de escandalizar e mistifica, sem pudores ou limites. A insistência das capas, explorando sempre os mesmos personagens, tingidas nas mesmas cores, prova o aviltamento da profissão. Matérias e reportagens que estimulem a reflexão cidadã estão quase extintas.
    Tudo isto dá nojo, canseira e, até, muito dó das pobres almas que têm de se submeter a tão mesquinhos e subalternos interesses do patronato.

  24. Mauricio disse:

    Eles tem consciencia que Dirceu quando vai ao banheiro, esta despachando a imprensa.

  25. Esses caras usam a Leis de Deus,para fazer justiça,mas a Leis de Deus,não servem pra eles(o governo),e sim para os pobres,porque eles pagam com dinheiro,os pecados deles,mas dias virão que o Senhir Deus de Israel,presta contas con esses hipocritas e fariseu,filhos do inferno duas vezes,e o dinheiro deles que conrrompidos,e de adulterios,não o salvará das mãos do Altissimo.

  26. Converte a Deus,é melhor escolha,mas muitos preferirão as trevas do que a luz.e usam as trevas no governo com a ajuda do maligno satanás,para ser popular,malditos sejam,o diabo é maldito,Deus os amaldiçoou,e todos aqueles que procurão a ajuda do infeliz diabo,é maldito,e Deus,não se compraz com esses.esses tornando-os filhos do inferno duas vezes,Deus é de benção e não de maldição,amém.Jesus está voltando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *