O jato de Huck, a lei e a ética jornalística

20min

A Folha, afinal, reproduziu a informação, publicada aqui, de que Luciano Huck recebeu um financiamento, a 3% ao ano, para a compra de seu jato particular (o nome é esse, sem rodeios) através do BNDES.

Fez com o devido crédito ao Tijolaço, embora, diferente do que se faz aqui, quando a notícia é da Folha, sem o link para a informação original.

É a matéria mais lida do site do jornal, mas o título original – “Huck usou empréstimo de R$ 17,7 mi do BNDES para comprar jatinho” -foi  substituído, na capa, por “Empresa de Huck emprestou R$ 17,7 mi do BNDES para comprar avião”.

Emprestou?

Pau que dá em Chico  pode acariciar Francisco, como se vê. Ou, pra usar o slogan daquela rádio: ” em 20 minutos tudo pode mudar”

Mas isto é assunto para aulas de jornalismo comparado que, lamentavelmente, se tornaram assunto de primeira linha.

As “defesas” de Huck centram-se em dois pontos: não é ilegal e foi concedido durante o governo Dilma Rousseff.

Ambas passam longe do questionamento essencial: o ético. Porque, desde a notícia postada ontem, não se acusa o apresentador de qualquer ilegalidade, mas pela imoralidade de ter usado uma linha de fomento a atividade empresarial para financiar um veículo particular – como  o meu carro ou o seu, com uma “cobertura” empresarial.

Meu Ford Fiesta 1.0 não está no nome do Blog Tijolaço Comunicação e não é, portanto, despesa operacional para efeitos fiscais. Não creio que um Phenom 500, de dez lugares, o deva ser.

Se a empresa Lils , do ex-presidente Lula. tivesse comprado os famosos pedalinhos, isso poderia ser legal, mas seria escandaloso.

Com Huck, não é.

Ou os outros jornais, menos pudicos que a Folha, estariam reproduzindo agora o que parece ser imoral.

A Brisair comprar o Phenom, com dinheiro subsidiado, não é?

Não é o mesmo que um caminhoneiro comprar um Scania para transportar soja.

A “defesa” de que foram centenas de milhares de contratos do Finame  é uma furada. Os pequenos empresários são gratos ao BNDES, o crédito mais barato que têm, mas não podem pegar senão uma migalha do que Huck pegou.

Nunca sugeri que Huck deveria ser entregue a Sérgio Moro, embora ele receba da Petrobras por merchandising.

A fugaz menção na Folha não me orgulha, me envergonha.

Porque o fato é, escancaradamente, minimizado.

Os 40 anos desde que, como estagiário de O Globo, sentei diante de uma máquina de escrever, me fizeram amar os fatos.

Mesmo que isso me traga riscos e , até, certezas, de que não terei o direito de exercer a a minha profissão, senão por este caminho da independência,

O fato é fato quando é fato, ainda que abrandado em palavras de algodão.

 

contrib1

Comentários no Facebook

41 Respostas

  1. Ricardo Lima disse:

    Bingo, Fernando!

    • James Gressler disse:

      Tirando o paulistês da manchete, eis o tucano autêntico de FFHH. Aquele “novo” só pode ser gatopardismo.

  2. Carmizeth Ferreira Marinho disse:

    Huck é judeu, assim como muitos das organizações globo, e como sabemos os bancos são comandados por judeus. Se estamos em um golpe, como um banco nacional sobrevive, quem vai comandar? esse banco faz tempo que no domínio de negociações de organizações como a globo; lembrando que FHC tá dentro.

    • thewhuela disse:

      Devemos aprender com a história, discurso de que os judeus eram os responsáveis pela ruína da economia alemã foi usado pra justificar as barbáries que conhecemos. Cada pessoa é responsável pelos seus atos e não devemos liga-las a religião, etnia, etc para justificar seus atos.
      O Fato é que só com os juros de mercado que ele aplicasse o valor do empréstimo que tomou, a juros subsidiados, do BNDS, seria suficiente para pagar o empréstimo e o jatinho saiu de graça

  3. Clesio disse:

    Mais um moralista sem moral

  4. Márcio Martins disse:

    Esperar da folha jornalismo com J maiúsculo é realmente demais…o intere$$e dele$ obviamente que é outro! Quando leio algo deles meu senso crítico vai às alturas…senão engole gato por lebre.

    • NeoTupi disse:

      A sem vergonhice da folha é tanta que até o crédito dado ao Tijolaço foi manipulado. Escreveu: “A informação foi antecipada pelo blog “Tijolaço””. Nas entrelinhas, como se a notícia completa fosse da folha e o blog tivesse apenas antecipado informações. Ora, o honesto seria dizer que a notícia foi dada em primeira mão pelo Tijolaço.

  5. Cleber disse:

    Parabéns pelo furo Fernando..

  6. Serjao disse:

    A cada dia que passa fica mais claro para todo o povo brasileiro:
    São eles contra nós!!!
    Eles, alguns poucos milhares, contra nós, milhões de brasileiros.
    Os muito ricos contra os miseráveis.
    Não é esquerda X direita, é os de cima X os de baixo.
    A história do mundo, sem disfarces e maquiagem, agora escancarada.
    Os donos do mundo vieram tomar o nosso petróleo da mesma forma como fizeram no Iraque e no Irã, e a elite parasita do Brasil quer a volta da escravidão, nem sempre com a chibate nesses dias, mas com a cenoura oferecida pela mídia, rede esgoto à frente.

  7. Rogério Ferraz disse:

    Realmente, o termo “emprestou”, da forma como foi usado, seria um tremendo erro de português, pois quem emprestou o dinheiro foi o BNDES. Então a folha “errou” para proteger luciano huck. Fernando Brito merece parabéns pelo furo jornalístico.

    • Saulo disse:

      C.V.C.M.P

      Você bem o disse : “meu pouco entender”. Eu digo mais, você não entende PORRA nenhuma de NADA!
      Você é uma vagabunda sem graça e sem saber. É uma jumenta iletrada.
      E o carnaval? Tá dando muito ? Suas comparsas estão cooperando com sua mãe e mulherzinha?
      Sou irmão do Sérgio.
      Cês tão fodida!
      Barbie.

  8. Bronco Capiau disse:

    Pois é, pelo meu pouco entender, ética jornalista compreende também ouvir o outro lado da questão, coisa que a piguenta “Falha”fez ao procurar a acessoria de Huck, coisa que raramente o “brog” faz !!

    • Gerson disse:

      Palhaço…a golpista Folha só ouviu o outro lado porque interessa a ela diminuir o ocorrido com o fantoche narigudo global. A golpista Folha nunca ouve o outro lado quando o assunto é o PT, Lula ou Dilma.

    • Saulo disse:

      FDP @

    • Saulo disse:

      C.V.C.M.P

      Você bem o disse : “meu pouco entender”. Eu digo mais, você não entende PORRA nenhuma de NADA!
      Você é uma vagabunda sem graça e sem saber. É uma jumenta iletrada.
      E o carnaval? Tá dando muito ? Suas comparsas estão cooperando com sua mãe e mulherzinha?
      Sou irmão do Sérgio.
      Cês tão fodida!
      Barbie.

    • salvador disse:

      Ah o coxa “se doeu”. A pergunta é: se doeu pela Folha, por Huck ou por ambos?

  9. Policarpo disse:

    As leis de ferro das oligarquia que nos governam sem votos e sem democracia:

    1- Aos amigos tudo aos inimigos os rigores da lei.

    2- Manda quem pode obedece quem tem juízo.

    3- É dando que se recebe.

    4- Nós não temos escrúpulos: o que é bom a gente fatura; o que é ruim, esconde.

    O resto é uma súcia de moralistas sem moral que ruminam e vomitam qualquer besteira que sirva a santa função do servilismo e que possa manter de pé essas regras, décadas após décadas, século após século.

    tic tac tic tac

  10. Salomão disse:

    EM QUEM VOCÊ VAI VOTAR? EM HUCK OU EM BOLSONARO?

    SOLUÇÃO FINAL:

    OU OS TRAFICANTES DA ROCINHA SE ENTREGAM À POLÍCIA, ou
    Bolsonaro exterminará todos os seus habitantes. Essa ideia foi aplaudidíssima pelos EXECUTIVOS que se encontravam na plateia. Anteriormente, Bolsonaro já tinha falado em golpe (em cima do atual) com o fechamento do Congresso e a morte de 30 mil brasileiros. Ele quer purificar o país através de uma guerra civil.

    Veja o que diz Eduardo Guimarães do Blog da Cidadania sobre mais esta sandice do segundo colocado nas pesquisas de intensão de votos, eleição 2018 (se houver) .

    https://youtu.be/4hoK3KhvICw

  11. Vicente disse:

    Hick “emprestou”?
    Mas que cara de pau.
    Pegou emprestado e não emprestou, mídia comercial se vende.

    • Bronco Capiau disse:

      QUANTA BURRICE !!

      Huck emprestou DO BNDES e não PARA o BNDES !!!

      • Márcio Martins disse:

        Nunca tinha ouvido falar deste jeito…é o novo gramático da área: o capiau! Empresta para a folha, que deve ter rasgado o manual de redação da folha…no fim vai dar no mesmo!

  12. Misael Araujo disse:

    Pra ser honesto e ético nesses tempos sombrios, é preciso arcar com o ônus, Brito, e você tem atuado com maestria nesse ramo. Nós agradecemos.

  13. Elena Osawa disse:

    É isso aí, FB! Pegou o Huck “Tucano” de calças arriadas. Ele já percebeu que vai ser bombardeado se for candidato a presidente. E, como já disse, acho bom investigar essa empresa Brisair. Lembram da empresa do FHC em sociedade com seus filhos, a tal Goytacazes Participações Ltda, cujas atividades registradas na Junta Comercial de São Paulo são serviços de agronomia e de consultoria às atividades agrícolas e pecuárias? O curioso é que a empresa está sediada na cidade de Osasco, na Grande São Paulo, ou seja, não é uma área rural. E o mais curioso ainda é que, quando se faz uma busca no Google Maps, a imagem que identifica o endereço é uma residência simples. Seria uma empresa de fachada? http://www.redebrasilatual.com.br/blogs/helena/2015/08/fhc-tem-agropecuaria-dentro-da-cidade-931.html

  14. Julio Neto disse:

    Se pode ir de jato pra que ir de táxi.

  15. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    Aos coxinhas abestados que adoram frequentar esse blog e tomar porrada na cara:
    Basta fazer uma busca nos vôos dessa aeronave da Brisair e descobrir quais pessoas fazem seus vôos regulares. Mas não se surpreendam se os passageiros tiverem sempre os mesmos nomes: Luciano, Angélica e seus filhos.

    • Bronco Capiau disse:

      É mesmo ?? Não diga faisca atrasada ! kkk

      O TAXISTA e a RAQUEL C já mataram esta charada lá no primeiro artigo sobre este assunto !!

      • Rei disse:

        Bronco Capiau se tornou o maior troll aqui… os outros foram tomando vergonha na cara… só restou o maior fracassado de todos!!!

        1-DEFENDENDO AÉCIO… FRACASSOU
        2-DEFENDENDO DÓRIA… FRACASSOU
        3-DEFENDENDO TEMER… FRACASSOU
        4-DEFENDENDO HUCK???

        COMO É FÁCIL FAZER ESSE PESSOAL DA DIREITA DE TROUXA!!!!

        SIMPLESMENTE QUALQUER MERDA QUE A GLOBO ENFIA GOELA ABAIXO DOS TROUXAS… BRONCO CORRE AQUI PARA DEFENDER!!!

        AGENDA DO BRONCO: PASSAR O CARNAVAL DEFENDENDO HUCK… ENQUANTO ELE ESTÁ EM ALGUM IATE PAGO COM EMPRÉSTIMO DO BNDES, CHEIRANDO COM ALGUM POLÍTICO FINANCIADO COM DINHEIRO PÚBLICO…

        PARABÉNS ESPERTÃO!!!

        CONTINUE AÍ A FAZER SEU PAPEL DE TROUXA!!!

  16. HOCUS POCUS disse:

    a Folha com F de FILHAS DA PUTA ,usa o termo(verbo) —-emprestou—- para manipular os imbecis..
    Os caras são tão sacanas que para atingir a média paulistana principal alvo da menção a IMORALIDADE do narigudo ——,classe com o cérebro atrofiado por uma educação para imbecis e a diária prática da ignorância—– USAM O VERBO para parecer que o narigudo imoral EMPRESTA AO BNDES !!!!!!!!!!!!!.
    Acostumados a ausência de questionamento, muitos idiotas ficam com a impressão contrária,é uma técnica de manipulação de massas.
    Nos meus anos 60/70 esses —folhas da puta— já teriam voado pelos ares.É o único idioma que esses filhas da puta entendem,QUANDO SANGRAM.

    • Bronco Capiau disse:

      QUANTA BURRICE 2 !!!

      Huck emprestou DO BNDES !!!

      Huck NÃO emprestou PARA o BNDES !!!

      • Rei disse:

        QUANTA BURRICE 3!

        Mais quantos posts o Bronco vai levar para perceber que o único burro aqui é ele… hahahahahahhahahahahaha

        Aprende a ler um texto antes de tentar ficar corrigindo os outros… troll retardado!!!

        Vendo você saliente aqui dá até vontade de voltar e te fazer chorar de novo…. com a bunda ardendo e pedindo para respeitarema sua opinião! hahahahahhahahaah

        A patética vida de troll de internet: procurar blogs que aceitam trolls inúteis e ainda ficar chorando quando te humilham… aí espera uns dias e volta depois que a vergonha passa…

      • Márcio Martins disse:

        Estou desconfiado que o Bronco é revisor na falha…só pode…por isto tantos erros naquele panfleto da direita!

      • HOCUS POCUS disse:

        em·pres·tar – Conjugar
        (em- + prestar)
        verbo transitivo
        1. Confiar temporariamente algo, sob condição de ser devolvido (ex.: já li o livro que você me emprestou).

        2. [Figurado] Dar; conceder; conferir (ex.: o sol emprestava uma cor avermelhada ao horizonte).

        3. [Brasil] Tomar por empréstimo (ex.: devolveu a fantasia de bailarina que emprestou da vizinha)

        —-TOMOU EMPRESTADO DE…—seria a frase correta caso for usar como sua mente de comedor de merda sugere.
        então seu filha da puta ,enfia esse teu portugués bem dentro do teu rabo !!!!!!

        • Bronco Capiau disse:

          ? / COLUNA /
          GRAMATIGALHAS
          Emprestar
          José Maria da Costa
          QUARTA-FEIRA, 24/9/2008
          ?? ?? ?
          Dúvida do leitor
          A leitora Raquel Olmos Bueno
          envia a seguinte mensagem ao Gramatigalhas:
          “Qual a forma correta de falar: ‘Eu emprestei o carro do meu pai’ ou ‘eu pedi emprestado o carro do meu pai’? Obrigada.”
          1) Domingos Paschoal Cegalla, que vê em tal verbo apenas a acepção de ceder por algum tempo, gratuitamente ou não, entende que “não é bom português empregar este verbo na acepção de pedir ou
          tomar emprestado”. 1
          2) Josué Machado também é do entendimento de que esse verbo apenas deva ser usado no sentido de dar por empréstimo, jamais tomar por empréstimo.
          3) E acrescenta que “muita gente tropeça no uso do verbo emprestar, porque no coloquial dos quintais fala-se que ‘o ministro emprestou dinheiro da empreiteira’ , com o significado evidente de que ele tomou, recebeu, abocanhou, recolheu, capturou um dinheirinho. Uso ruim do verbo e coisa feia para o ministro”. 2
          4) Luciano Correia da Silva vê como erro comum “arranjar objeto indireto com de para este verbo, como na frase: ‘ Eu emprestei de fulano esta máquina’ “, mandando corrigi-la para ” Tomei emprestada (ou de
          empréstimo, por empréstimo)
          esta máquina”. 3
          5) Para Luiz A. P. Vitória, “este verbo empregado no sentido de pedir emprestado é galicismo”, motivo por que, segundo ele, não se há de dizer ” Emprestei um livro de Fulano “, mas ” Tomei emprestado um livro de fulano “. 4
          6) Cândido Jucá Filho reputa brasileirismo seu emprego com o sentido de tomar por empréstimo, mas ele próprio traz significativo exemplos de abalizados autores pátrios com essa significação: a) ” Então o doutor foi emprestar da doente a moléstia ” (Taunay); b) ” Usara do engenhoso expediente de
          emprestar da oração algumas palavras alusivas à sua posição ” (José de Alencar). 5
          7) Silveira Bueno também apenas admite para tal verbo a possibilidade de uso quando o sujeito dele fizer a ação de dar alguma coisa a alguém , motivo por que “toda vez que o sujeito do verbo não fizer a ação, mas, ao contrário, recebê-la, não se poderá usar o verbo
          emprestar , e sim a expressão
          tomar ou pedir emprestado. 6
          8) Celso Pedro Luft tem a acepção de tomar ou receber por empréstimo, de pedir emprestado, na conta de
          construção popular. 7
          9) Com base em Cândido Jucá Filho, observa Francisco Fernandes que emprestar de corre em São Paulo em vez de tomar emprestado a . Exs.: a) “Paulo emprestou um livro a Martinho”; b) ” Martinho emprestou um livro de Paulo “.
          10) E, lembrando a lição do Padre José Stringari, continua tal autor: “no sentido de pedir ou tomar emprestado, pedir de empréstimo, receber por empréstimo, é falar brasileiro dizer-se emprestar de alguém alguma coisa”. 8
          11) Conforme designação de Mário Barreto, entretanto, trata-se de palavra bifronte, porque indica relações duplas, posições recíprocas, com sentido ora ativo, ora passivo.
          12) Aires da Mata Machado Filho, que transcreve a lição do referido gramático, vê em tais vocábulos termos de significação ativa e passiva.9
          13) Na primeira hipótese, significa dar por empréstimo. Exs.: a) ” O proprietário
          emprestou o imóvel ao amigo ” ; b) ” Quando o uso consistir no direito de habitar gratuitamente casa alheia, o titular deste direito não a pode alugar, nem emprestar, mas simplesmente ocupá-la com sua família” (CC/1916, art. 746).
          14) No segundo caso, tem o sentido de receber por empréstimo. Ex.: ” O réu
          emprestou o imóvel do
          proprietário amigo ” .
          15) Em realidade, ante a divergência entre os gramáticos, o melhor é ampliar as possibilidades de uso da expressão, aplicando-se o vetusto princípio de que, na dúvida, há liberdade de uso ( in dubiis, libertas )
          16) Por outro lado, como se vê, o emprego adequado da preposição salva os equívocos que possam aparecer em tais casos.
          17) Antonio Henriques e Maria Margarida de Andrade também têm tal verbo como portador de ambos os significados: fazer empréstimo e receber empréstimo. 10
          18) Regina Toledo Damião e Antonio Henriques também estão de acordo em que tal verbo é bifronte, vale dizer, assume o duplo aspecto tanto no sentido ativo de dar por empréstimo como no sentido passivo de receber por empréstimo.11

  17. Valdir disse:

    RBS noticia compra de avião e credita a notícia a Folha de São Paulo.

  18. assim falou golbery disse:

    é preciso que se diga que antes dos governos petistas o BNDES tinha só uns poucos trocados para emprestar, o que fazia com que cada pedito de empréstimo fosse altamente criterioso, nunca nada mais que 1ue uns R$ 100 mil, muito duro de conseguir, basta perguntar ao Nassif que tem como saber. Depois que o petismo assumiu encheu esse de muitos e muitos bilhões, ao ponto que sem que tivesse por aqui empresa suficiente para tomar tanto dinheiro, se emprestou praticamente a fundo perdido, pois esses governos nunca iria pagar mesmo, para se azer obras em países africanos, caribenhos e de América Latina. Portanto, não apenas Huck, mas todo que quis bastou pedir que nem precisou analisar muito, pois é melhor emprestar do que deixar virando lama

  19. Daiana disse:

    É. Definitivamente, huck não rasga dinheiro.

  20. Guilherme disse:

    Naquele famoso filme, “A Queda”, Hitler lamenta não ter feito como Stalin, que matou vários de seus generais. Poderia lamentar também o fato de não ter se imitado a “grande” imprensa brasileira.

  21. Wallaw disse:

    Bravo, Fernando Brito!
    Parabéns pelo furo jornalístico…

  22. Daiana disse:

    Pelo jeito huck é ganancioso além de oportunista. Com certeza não rasga dinheiro de jeito nenhum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *