O Globo decreta: renuncie, Temer!

luger

Em longo editorial, agora há pouco, O Globo emite o seu diktat: Temer deve renunciar, já.

Este jornal apoiou desde o primeiro instante o projeto reformista do presidente Michel Temer.”, diz o texto, “mas a crença nesse projeto não pode levar ao autoengano, à cegueira, a virar as costas para a verdade. Não pode levar ao desrespeito a (sic) princípios morais e éticos” .

Define que “ao abrir as portas de sua casa ao empresário, o presidente abriu também as portas para a sua derrocada”. 

E, como quem oferece a Luger embalada ao oficial do Reich pego em desomra para com o Fuhrer, oferece o suicídio-renúncia ou, se não o fizer, oo fuzilamento “seja pelo impeachment, seja por denúncia acolhida pelo Supremo Tribunal Federal”.

Leia a sentença de Suas Excelências, os Irmãos Morinho, digo, Marinho, Ela, provavelmente, será lida no Diário Oficial, digo, no Jornal Nacional de hoje à noite.

Editorial: A renúncia do presidente

Um presidente da República aceita receber a visita de um megaempresário alvo de cinco operações da Polícia Federal que apuram o pagamento de milhões em propinas entregues a autoridades públicas, inclusive a aliados do próprio presidente. O encontro não é às claras, no Palácio do Planalto, com agenda pública. Ele se dá quase às onze horas da noite na residência do presidente, de forma clandestina. Ao sair, o empresário combina novos encontros do tipo, e se vangloria do esquema que deu certo: “Fui chegando, eles abriram. Nem perguntaram o meu nome”. A simples decisão de recebê-lo já guardaria boa dose de escândalo. Mas houve mais, muito mais.

Em diálogo que revela intimidade entre os dois, o empresário quer saber como anda a relação do presidente com um ex-deputado, ex-aliado do presidente, preso há meses, acusado de se deixar corromper por milhões. Este ex-deputado, em outro inquérito, é acusado inclusive de receber propina do empresário para facilitar a vida de suas empresas no FI-FGTS da Caixa Econômica Federal. O presidente se mostra amuado, e lembra que o ex-deputado tentou fustigá-lo, ao torná-lo testemunha de defesa com perguntas que o próprio juiz vetou por acreditar que elas tinham por objetivo intimidá-lo.

Ao ouvir esse relato do presidente, o empresário procura tranquilizá-lo mostrando os préstimos que fez. Diz, abertamente, que “zerou” as “pendências” com o ex-deputado, que tinha ido “firme” contra ele na cobrança. E que ao zerar as pendências, tirou-o “da frente”. Mais tarde um pouco, em outro trecho, diz que conseguiu “ficar de bem” com ele. Como o presidente reage? Com um incentivo: “Tem que manter isso, viu?”

Não é preciso grande esforço para entender o significado dessa sequência de diálogos. Afinal, que pendências, senão o pagamento de propinas ainda não entregues, pode ter o empresário com um ex-deputado preso por corrupção? Que objetivo terá tido o empresário quando afirmou que, zerando as pendências, conseguiu ficar de bem com ele, senão tranquilizar o presidente quanto ao fato de que, com aquelas providências, conseguiu mantê-lo quieto? E, por fim, que significado pode ter o incentivo do presidente (“tem que manter isso, viu”), senão uma advertência para que o empresário continue com as pendências zeradas, tirando o ex-deputado da frente e se mantendo bem com ele?

Esses diálogos falam por si e bastariam para fazer ruir a imagem de integridade moral que o presidente tem orgulho de cultivar. Mas houve mais. O empresário relata as suas agruras com a Justiça, e, abertamente, narra ao presidente alguns êxitos que suas práticas de corrupção lhe permitiram ter. Conta que tem em mãos dois juízes, que lhe facilitam a vida, e um procurador, que lhe repassa informações. Um escândalo. O que faz o presidente? Expulsa o empresário de sua casa e o denuncia as autoridades? Não. Exclama, satisfeito: “Ótimo, ótimo”.

Não é tudo, porém. Em menos de 40 minutos de conversa, o empresário ainda encontra tempo para se queixar de um ex-funcionário seu, atual ministro da Fazenda. Diz, com desfaçatez, que tem enfrentado resistência no ministro da Fazenda para conseguir a troca dos mais altos funcionários do governo na área econômica: o secretário da Receita Federal, a presidente do BNDES, o presidente do Cade e o presidente da CVM. Pede, então, que seja autorizado a usar o nome do presidente quando for novamente ao ministro da Fazenda com tais pleitos. O que faz o presidente? Manda-o embora, indignado? Não, de forma alguma. O presidente autoriza: “Pode fazer”.

Este jornal apoiou desde o primeiro instante o projeto reformista do presidente Michel Temer. Acreditou e acredita que, mais do que dele, o projeto é dos brasileiros, porque somente ele fará o Brasil encontrar o caminho do crescimento, fundamental para o bem-estar de todos os brasileiros. As reformas são essenciais para conduzir o país para a estabilidade política, para a paz social e para o normal funcionamento de nossas instituições. Tal projeto fará o país chegar a 2018 maduro para fazer a escolha do futuro presidente do país num ambiente de normalidade política e econômica.

Mas a crença nesse projeto não pode levar ao autoengano, à cegueira, a virar as costas para a verdade. Não pode levar ao desrespeito a princípios morais e éticos. Esses diálogos expõem, com clareza cristalina, o significado do encontro clandestino do presidente Michel Temer com o empresário Joesley Batista. Ao abrir as portas de sua casa ao empresário, o presidente abriu também as portas para a sua derrocada. E tornou verossímeis as delações da Odebrecht, divulgadas recentemente, e as de Joesley, que vieram agora a público.

Nenhum cidadão, cônscio das obrigações da cidadania, pode deixar de reconhecer que o presidente perdeu as condições morais, éticas, políticas e administrativas para continuar governando o Brasil. Há os que pensam que o fim deste governo provocará, mais uma vez, o atraso da tão esperada estabilidade, do tão almejado crescimento econômico, da tão sonhada paz social. Mas é justamente o contrário. A realidade não é aquilo que sonhamos, mas aquilo que vivemos. Fingir que o escândalo não passa de uma inocente conversa entre amigos, iludir-se achando que é melhor tapar o nariz e ver as reformas logo aprovadas, tomar o caminho hipócrita de que nada tão fora da rotina aconteceu não é uma opção. Fazer isso, além de contribuir para a perpetuação de práticas que têm sido a desgraça do nosso país, não apressará o projeto de reformas de que o Brasil necessita desesperadamente. Será, isso sim, a razão para que ele seja mais uma vez postergado. Só um governo com condições morais e éticas pode levá-lo adiante. Quanto mais rapidamente esse novo governo estiver instalado, de acordo com o que determina a Constituição, tanto melhor.

A renúncia é uma decisão unilateral do presidente. Se desejar, não o que é melhor para si, mas para o país, esta acabará sendo a decisão que Michel Temer tomará. É o que os cidadãos de bem esperam dele. Se não o fizer, arrastará o Brasil a uma crise política ainda mais profunda que, ninguém se engane, chegará, contudo, ao mesmo resultado, seja pelo impeachment, seja por denúncia acolhida pelo Supremo Tribunal Federal. O caminho pela frente não será fácil. Mas, se há um consolo, é que a Constituição cidadã de 1988 tem o roteiro para percorrê-lo. O Brasil deve se manter integralmente fiel a ela, sem inovações ou atalhos, e enfrentar a realidade sem ilusões vãs. E, passo a passo, chegar ao futuro de bem-estar que toda a nação deseja.

Posts relacionados...

Comentários no Facebook

28 Respostas

  1. Messias Franca de Macedo disse:

    Quem são os juízes que o Joesley comprou?
    Conversa Afiada com Paulo Henrique Amorim
    https://www.youtube.com/watch?v=sJv0WEaoXAk

  2. Gilberto Rezende disse:

    Só esqueceram de comentar que o indigitado e odioso megaempresário é o terceiro maior anunciante da Rede Globo….

  3. Messias Franca de Macedo disse:

    .. E já que o infame caranguejo MT já está sentindo no CUnha a fervura da fogueira do degredo, por que, “intonci”, não delata os [mega]mafiosos irrecuperáveis Marín(ho) da Globo Organizações Criminosas?!
    “Toma tenência, libanês usurpador!”
    Ou, para além de usurpador decorativo, aceitarás a pecha de usurpador ‘disenterino’?

    Honras, pelo menos, a recatada &$ da mansão!
    Ah, MT, e não esqueça da reputação do ‘Criança Feliz’ miSHELLzinho!

  4. baader disse:

    não é de agora que essa mídia impressa usa das palavras deslocadas, descontextualizadas, mentirosas. esse grupo empresarial que vende notícias amparado por anúncios e não o contrário sempre se colocou contra o país, contra a democracia, contra a soberania nacional. não tem o direito de exigir moralidade de quem quer que seja, porque não conhece tal conceito. esse grupo empresarial que vende notícia amparado por anúncios e não o contrário, já trama pelo substituto indireto, alguém que lhe seja adequado. um dia no futuro saberemos porque esse grupo empresarial que vende notícia amparado por anúncios e não o contrário abandona o usurpador.

  5. Claudio Salgueirosa disse:

    A globo não tem nada de boba. Ela deixa claro no editorial que apoia as reformas e que o país precisa delas , razão pela qual precisa neste momento alguém com apoio para implementá-las. Porque o traíra perdeu a confiança da emissora? Com certeza, este golpista estava dando sinais de enfraquecimento na condução das reformas, apesar das negociações escandalosas para conseguir apoio. A globo quer colocar alguém que ela tenha certeza que não vai tergiversar e conduzir com firmeza absoluta estas reformas e aí sim, continuar com seus sonho : a destruição do Lula.

  6. Messias Franca de Macedo disse:

    … A saída “honrosa” para o degredo do MT?
    E o honesto povo trabalhador brasileiro que aguente a rebordosa?
    “Descer o sarrafo no lombo do povo?”
    Sem dó nem piedade?”

    ‘Bacana’!

  7. Elma disse:

    Fora Temer, Fora mídia golpista,
    Todos canalhas.

  8. Lenita disse:

    Domingo 21 de Maio 2017 todos às ruas exigindo DIRETAS JÁ !!! Sem arrego !!! …

    http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2017/05/movimentos-avisam-nao-vamos-sair-das-ruas

  9. James disse:

    PSDB/PMDB /PIG
    Todos conspiradores nazifascistas, vagabundos.

  10. Gillian disse:

    Ministros do Supremo, juízes e procuradores
    fazendo lobby para investigados, segurando a barra de investigados e fornecendo
    informações de processos investigatórios…
    O NAZIFASCISMO tomando conta das instituições brasileiras.

  11. Messias Franca de Macedo disse:

    SANADA MAIS UMA DÚVIDA ATROZ ATRELADA AO GOLPE VAGABUNDÍSSIMO CONTINUADO!

    O filho do “ministro sisudo” Teori Zavascki está correto:
    “a máfia nazifascigolpista &$ [mega]corrupta matou o pai dele.”
    E o atentado terrorista ceifou as vidas de mais quatro vítimas!

    ***

    AÉCIO DEFENDEU MORAES NO STF PARA ESTANCAR LAVA JATO

    19 DE MAIO DE 2017

    Além de indicar delegados para comandar os inquéritos nos quais os políticos de PMDB e PSDB estivessem envolvidos, o esquema de Aécio Neves e Michel Temer para estancar a Lava Jato, de acordo com gravações da JBS, envolve também a indicação de Alexandre de Moraes como ministro do Supremo Tribunal Federal na vaga de Teori Zavascki; o nome de Moraes é citado pelo senador tucano em uma conversa com Joesley sobre a tentativa de controlar as investigações

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/296562/A%C3%A9cio-defendeu-Moraes-no-STF-para-estancar-Lava-Jato.htm

  12. Asko disse:

    Os militares avalizaram este golpe de vagabundos???????? do senhor Michel Temer
    informante da CIA

    http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2017/05/temer-se-reune-com-ministro-da-defesa-raul-jungmann-que-ja-cogitou-intervencao

  13. José Natal disse:

    O áudio não precisaria existir, só o fato de qualquer um de nós recebermos um bandido em nossa casa, só o fato desde bandido confessar um monte de crimes, confessar q tem juízes na mão, procuradores, q tem influência com um ministro, q tem contato com um preso, só isto já bastaria, diga com quem andas e te direi quem és. Se vc é qualquer um de nós já teria a obrigação de entregar este criminoso a justiça

  14. renato arthur disse:

    A Globo não pode falar em ética, moral e constituição pois naquele antro de golpistas isto não existe. Quanto As “reformas” que eles dizem ser essenciais para conduzir o país para a estabilidade, na verdade é vender a força de trabalho do brasileiro para o mercado, é na prática acabar com o estado e substituir pela iniciativa privada. O que eles constatam é que Temer perdeu as condições para esse projeto e querem colocar alguém que o faça, por isso não há nenhuma referencia a eleições livres e soberanas, pois eles não permitem a volta da democracia. A Globo é pior que o Temer é câncer do Brasil enquanto eles existirem não termos democracia nesse país

  15. Assis disse:

    A globo já negociou com a CIA a renuncia do informante.
    Depois do Temer
    Fora Rede Esgoto.Golpistas maiores desta nação.

  16. Batista disse:

    É muita cara de pau dos morinho fingirem que a cria golpista, com a qual tiraram as castanhas da Dilma do fogo do poder, nada tem a ver com eles, e que a constituição deve ser seguida passo a passo.
    Vão te catar golpistas, rasgaram a constituição há pouco mais de um ano no famoso DOMINGO NOJENTO, que fez enrubescer até o Berlusconi, e agora querem permanecer no poder para completar a rapinagem.
    Só o povo democraticamente nas ruas é que lava não a jato mas de fato e direito o Brasil.
    Domingo vamos mostrar a essa gente que já deu, 500 anos foi muito e no século XXI não há mais espaço para “Casa Grande & Marinho” no comando do monopólio da desinformação.
    Não há pais, capaz de desenvolver-se com um câncer como esse “CG & M” em suas entranhas.
    BASTA!!!

  17. Adelmo Ribeiro da Silva disse:

    Até parece que as (10)Organizações Globo desejam um “futuro de bem-estar para toda a nação!

  18. Muniz disse:

    A globo e mídia receberam farta mensalidade do governo de golpista
    Qual a moral desta turma de bandidos midiáticos….
    Executivo da JBS comprova , Cunha comprou sua eleição a presidência da câmara….e portanto financiou o golpe….
    E ainda a mídia quer eleições indiretas com um congresso de bandidos..

  19. Tereza Barros disse:

    Uai? Como assim? Os Marinhos foram uns dos “nós somos milhões de Cunha!” e que apoiaram o golpe e puseram no poder essa quadrilha!!! Hipócritas

  20. Tomás disse:

    Se a Globo quer que o Temer renuncie o mais rápido possível, é por duas razões: 1 – Já tem seu candidato à presidência a ser eleito indiretamente pelo Congresso. 2 – Quer que a eleição indireta se dê o mais rápido possível, correndo mesmo, que é para não dar tempo ao movimento Diretas Já de crescer e embrulhar o jogo.

  21. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    Globo falando em ética e moral? Certamente, depois de derrubarem o Temer, sairão à caça de um novo candidato que lhes sustente com gordas contribuições, via propaganda.

  22. augusto2 disse:

    Eta golpe vagabundo
    no top uma quadrilha tosca
    na base o baixissimo clero
    no perímetro bruta e famélica a matilha togada
    por todo o lado trombetas midiáticas
    No exterior as ordens por telefone.
    ao redor nauseabundas moscas em revoada
    Pocilga.

  23. Gilbert disse:

    Boa noite,

    A globo agora quer “percorrer e respeitar a constituição”, mas na hora de apoiar o impeachment da Presidenta Dilma não teve esse mesmo entendimento… raposa velha aplicadora e apoiadora de golpes contra a democracia, ou seja, quer eleições indiretas pra colocar um de seus representantes, é o golpe dentro do golpe!!

    Se foi aprovada pelos deputados e senadores a famigerada PEC 241/55 que só congelou gastos com as despesas primárias com Educação, saúde, moradia e não controlou as despesas nominais que são os juros da dívida pública, pode ser muito bem ser votado uma outra PEC para antecipar as eleições.

    O povo que tem que decidir quem será o seu representante, a democracia só voltará a ser estabelecida com o povo sendo o protagonista de suas escolhas por meio do voto elegendo seus representantes para modificar e renovar grande parte desses políticos golpistas que apoiaram um impeachment fraudulento com o apoio do judiciário que até o momento não julgou o mérito da constitucionalidade sobre a existência do crime de responsabilidade.

    Diretas já e eleições Gerais urgente!! Resistência e Resiliência e o povo nas ruas! Fora temer!

  24. Mark disse:

    O que me deixa assustado é a parte que diz: “Só um governo com condições morais e éticas pode levá-lo adiante. Quanto mais rapidamente esse novo governo estiver instalado, de acordo com o que determina a Constituição, tanto melhor.” A Rede Esgoto de Televisão falando em “moral e ética” é assustador. Assusta mais ainda a idéia de “um novo governo” arrumado às pressas, “de acordo com o que determina a Constituição”… A solução verdadeiramente boa para o país, mas com certeza contrária aos interesses da Rede Esgoto de Televisão, é a realização de ELEIÇÕES DIRETAS JÁ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *