Método Cunha de volta. Perdeu a urgência, vota de novo e vence…

metodocunha

São poderosos e eficientes os argumentos da madrugada.

Depois de perder ontem o requerimento de urgência para a tramitação da reforma antitrabalhista, Rodrigo Eduardo Cunha Maia, o presidente da Câmara, usou o método de seu antecessor e pôs de novo em votação a mesma matéria.

E, claro, ganhou, depois de orelhas puxadas e pescoços apertados na escuridão da noite brasiliense.

Foram  287 votos contra 144, resultado de um esforço hercúleo – com o perdão de Hércules – da base governista.

O suficiente para obter o regime de urgência, mas ainda 21 votos abaixo do que a máquina governista precisa demonstrar que possui para aprovar a reforma previdenciária.

O governo não tem conseguido atingir, nunca mais, o “número mágico” de 308 votos  que lhe permita pisotear a Constituição.

É isso que está sendo observado.

E é por isso que não podem arrefecer as manifestações previstas para o dia 28.

 

 

Comentários no Facebook

23 Respostas

  1. Lenita disse:

    Exato ! Greve Geral vai implodir o país ! Tá na hora, aliás, era pra ontem ! Vamos acabar com esse cassino chamado congresso, tudo bandido! Aff …

    • Nilson disse:

      Greve geral pra ontem. Antes da presidenta Dilma ser deposta.

    • iSKRA disse:

      Ativista de teclado……..aproveita e faça greve dos dedos sra. pescoço dos outros…

      • Lenita disse:

        Oh esse CANALHA RATO DE ESGOTO precisa parar de agredir as pessoas gratuitamente ! Vai procurar tua turma assombração ! Machista do tempo das cavernas perdendo os dois únicos neurônios disponíveis, é ruim hein ? … Vai pra rússia !!! Essa ANTA russa frustrada é definitivamente um psicopata !!! Xô coisa asqueirosa !!!

        • Lenita disse:

          Correção : asquerosa

          • iSKRA disse:

            Quanto ódio, em que diferes tu dos celerados coxinhas ??? Vai pra Cuba = Vai pra Rússia…..quanta indigência argumentativa…. Desqualificada , ativista de teclado….tsc tsc tsc.

      • Lenita disse:

        Oras sr. CANALHA IMUNDO. Você é uma cara frustrado que vem aqui só pra ficar desrespeitando as pessoas.Ja te disse milhões de vezes para ficar na tua e me deixar em paz mas vc resolveu ASSEDIAR não é mesmo ? Isso é papel de gente CANALHA. Somente uma pessoa IMBECIL E CRETINA como vc pode ter tempo para ficar provocando uma pessoa num espaço público sem qualquer motivo. VAI SE TRATAR e coloque seu EGO imenso de molho cara, fica muito feio ficar ASSEDIANDO AS PESSOAS ASSIM. Entendeu CANALHA DE PLANTÃO ? Poupe às pessoas de sua desagradável necessidade de aparecer e VA SE TRATAR “russo” de meia tigela que SE acha a última cocada preta do Nordeste russo … Você é patético ANTA AMBULANTE.

  2. Marcos disse:

    Canalhas Canalhas Canalhas

  3. Rui disse:

    Pode parar, mas parar mesmo! Parar o Brasil e livrar o povo trabalhador das garras destes achacadores e assaltantes dos direitos sagrados que temos. Ninguém quer ser marionete de patrão não. Queremos que nos devolvam o poder roubado. Votamos em Dilma e nos presentearam com uma corja de assaltantes corruptos e impostores. Malditos os que nos traíram. Força povão, esmurecer jamais. Hasta lá Victória siempre.

  4. Nina disse:

    Gostaria de saber os nomes do 287 deputados que aprovaram essa medida.

  5. Irion disse:

    DEM(os), MPDB e PSDB são todos farinha do mesmo saco do Cunha! Deveriam estar lhe fazendo companhia, atrás das grades!

  6. Luiz Carlos P. Oliveira disse:

    Como $e con$egue convencer tanto$ deputado$ da noite para o dia? É po$$ivel i$$o? Qual é o mi$$$$tério?

  7. Rui disse:

    Só um detalhe. Precisamos convencer todos que irão votar em Lula em 2018 que não desperdicem votos para deputado e para senador. De nada vale um Lula cheio das boas intenções com os trabalhadores e um Congresso traíra e de partidos patronais. Uma dica: Nenhum voto ao PSDB, PMDB, DEM e PPS. É Lula e um congresso treze de ponta a ponta. E aí é só partir pro abraço. Simples, pra ser feliz mesmo.

  8. Nai disse:

    Brito, coloca aí a lista dos 287 canalhas, vendilhões da pátria deste balcão imundo de negócios que insistem em chamar de congresso!

  9. alvaro disse:

    Caraca! e tem midiota querendo falar que na Venezuela é que tem ditadura!

  10. Fernanda da R P Gomes disse:

    Só aplicando o método da Revolta da Degola! Chega de sermos submissos a esses Canalhas.

    “Povo que não tem virtude acaba por ser escravo”!

  11. Carlos Cruz disse:

    Congresso e judiciário! Vamos mostrar são empregados e não empregadores. A cobra vai fumar!

  12. Betinho disse:

    É mais um motivo pra irmos todos às ruas dia 28/04 e INCENDIARMOS este país!!

  13. Tomás disse:

    Pois é. Depois da derrota, a avaliação cuidadosa… quem votou contra e pode ser de alguma maneira “convencido” a (por bem ou por mal?) votar a favor. E mais um princípio do Estado de Direito, o de que não podem acontecer duas votações sobre a mesma matéria na mesma legislatura, vai para o espaço…!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *