“Matem estes filhos da puta que eu arquivarei o inquérito”

zagallo

“Alguém poderia avisar a Tropa de Choque que essa região faz parte do meu Tribunal do Júri e que se eles matarem esses filhos da puta eu arquivarei o inquérito policial”.

 

O autor desta “pérola”, Rogério Leão Zagallo, é membro do Ministério Público de São Paulo e é ele, como revelam hoje os repórteres Rogério Pagnan e Lucas Ferraz, da Folha, quem “será [o] responsável pela investigação dos PMs suspeitos de terem assassinado duas pessoas já rendidas na zona oeste da capital paulista“.

 

Inacreditável.

 

Mesmo que tivesse  sido um “chilique” de engarrafamento, não é algo que se possa admitir em quem tem obrigação de zelar pelo cumprimento da lei.

 

Seria como um médico dizer que se “fulano fosse meu paciente eu cortaria suas tripas na mesa de operação”.

 

Mas isso não é tudo.

 

Em 2011, recorda a reportagem, aconselhou um policial civil que, para evitar um assalto, tinha baleado e matado um dos dois ladrões que “melhorasse sua mira” para matar logo os dois.

 

Não importa, a não ser para lamentar, quais sejam as convicções íntimas doentias do sr. Zagallo,mas é impossível que alguém capaz de expressar assim o seu “desejo de matar”não apenas criminosos, mas até mesmo manifestantes que lhe causaram um dissabor possa atuar como promotor de Justiça (?!?) e muito menos quando isso envolve o assassinato de bandidos já rendidos por policiais.

 

Não é possível que o espírito corporativo do Ministério Público faça a instituição tolerar este absurdo, em nome de sua independência.

 

E mais: é impossível que uma instituição, qualquer uma, tenha o poder de ser a única fiscal de si mesma, ainda mais quando como é, hoje, o Ministério Público, que tem o “direito” onipotente sobre toda a vida brasileira.

 

Porque – e qualquer um que trabalhe no campo do Direito e da Justiça sabe disso – trabalham em “dobradinha” (inclusive corporativa e salarial) com os juízes, e desgraçar-se com um promotor é quase escrever sua própria sentença.

 

Infelizmente não é só ao Dr. Zagallo que este país está tendo de engolir.

 

 

Posts relacionados...

Comentários no Facebook

34 Respostas

  1. José Medeiros disse:

    Há um velho e bem conhecido ditado: Quem com ferro fere, com ferro será ferido. Vá em frente, seu galo, com a sua onipotência divina e candidate-se a julgar os vivos e os mortos no juízo final.

  2. Antonio Luiz disse:

    Tudo se encaminhará próximo da solução justa quando se der início à limpeza de bandidos que infestam o Judiciário e a PF. O gargalo para o avanço democrático do país está no Judiciário e seus congêneres que, aliás, ganham extravagantemente bem, e com o nosso dinheiro, para fazerem o mal que fazem ao país.

  3. Cunha e Silva disse:

    Esse é um dos mais bonzinho Pitbull do MPF . Lá tem dos mais ferozes do esse.

  4. jose gilvar gonzaga disse:

    A CÂMARA DOS DEPUTADOS, JUNTAMENTE COM O SENADO FEDERAL, TEM QUE DAR UM BASTA NO MEMBROS DA JUSTIÇA. JUIZES, DELEGADOS, PROMOTORES PROCURADOS DE JUSTIÇA, POLÍCIAL FEDERAL, MILITAR E CIVIL. ESSE PESSOAL SE SENTI deus ISSO NÃO PODE CONTINUAR. A ATITUDE DESSE BILTRE PROMOTOR, TINHA QUE SER DEMITIDO IMEDIATAMENTE, MAS SEM ESSA DE APOSENTAR, PARA FICAR RECEBENDO O DINHEIRO DO POVO. SENHORES CONGRESSISTAS VOCÊS TEM POR OBRIGAÇÃO MORAL DE DAR UM BASTA NISSO.

  5. Marcio dos Reis Duarte disse:

    Criou-se um monstro …

  6. Seu Zé disse:

    90% do pessoal do MP é assim.

  7. Gersier disse:

    É ele o grande FDP. Esse calhorda ainda vai pagar e caro.

  8. Carlos Alberto disse:

    Vocês ainda não tem a dimensão do que é a justiça em MG, vocês sabem muito pouco….

  9. mario fernando disse:

    O Brasil precisa eliminar de forma urgente estes fascistas de merda.

  10. Sérgio Rodrigues disse:

    Putz…esse cara e seu pares deveriam estarem na rua e internados em hospital psiquiátrico!….

  11. Deurival Castro disse:

    Isso (essa atitude) é bem comum em regiões onde predomina o coronelismo, no Maranhão ainda é bem acentuado esse comportamento por parte dos membros do Judiciário, do Legislativo! São Paulo ainda vive o coronelismo, os governantes estadual são de Carreira! Punição? Nunca!

  12. Filho disse:

    Prezado Fernando, estes fatos são de 2013. Vejam os desdobramentos.
    O promotor de Justiça Rogério Leão Zagallo, da 5ª Vara do Júri de São Paulo, foi suspenso por 15 dias pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Por maioria de votos, os conselheiros reprovaram a atitude do promotor durante as Jornadas de Junho, quando ele sugeriu que a Tropa de Choque poderia “matar manifestantes” e que arquivaria “o inquérito policial” se isso acontecesse.
    O posicionamento do CNMP foi tomado na última segunda-feira (1), em sessão na sede do conselho, após a Corregedoria Nacional do Ministério Público pedir a revisão da decisão da Corregedoria-Geral do Ministério Público de São Paulo (MP-SP), que optou apenas por aplicar “censura” a Zagallo.

    O relator do processo no CNMP, conselheiro Fábio George Cruz da Nóbrega, que votou pela procedência da revisão do processo administrativo, destacou que houve expressiva repercussão negativa da mensagem, compartilhada diversas vezes e que esse conteúdo atingiu uma quantidade imensurável de pessoas, provocando dezenas de representações no MP e no CNMP.

    Alguns integrantes do conselho chegaram a defender uma suspensão maior de até três meses, mas prevaleceu o prazo de 15 dias de suspensão. Nóbrega afirmou, ainda, que levou em consideração a necessidade de aplicar sanção mais grave que a decidida pela Corregedoria-Geral do MP-SP, em razão da reincidência do promotor.

    Nóbrega explicou que Zagallo já foi sancionado duas vezes pelo MP-SP, por conta de manifestações ofensivas realizadas em outros processos, tendo sido absolvido por um desses posicionamentos e condenados por duas outras vezes, uma delas envolvendo integrantes da Defensoria Pública e a outra, a pessoas que, supostamente, teriam efetuado disparos contra policiais e que foram mortas.

  13. luiz disse:

    A sociedade hipócrita está provando o poder soberano de seus heróis. O MP perdeu o controle. Ele é fiscal da lei, titular da ação penal e controlador da atividade externa da polícia. Esses caras perderam o controle. Acabou. Ou mudamos isso ou seremos testemunhas da pior experiência criada pela democracia.

  14. revenger disse:

    KKKKKkkkkkk!!! Deu chilique! Deu Piti! Se se acha tão fodão, por que ele mesmo não saiu dando bordoada em todo mundo?

  15. ANA TERRA RAMOS disse:

    Golpe do impeachment: dou um boi para não entrar na briga, mas dou uma boiada para não sair dela.
    Mas o que fazer se tem tubarão golpista querendo dar o golpe contra as regras democráticas e contra este projeto nacional aprovado nas urnas? Sobra o plano ¨B”, que é dar uma boiada para não sair da briga que tentamos evitar.

    E o plano “B” é bem mais amplo do que meramente preservar um mandato presidencial. É uma briga que deflagrará uma revolução popular por reformas que modifiquem o sistema de uma vez por todas.
    http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/

  16. Henrique Dasilva disse:

    O que é que está acontecendo?…os promotores públicos em todo o país, estão se sentidos além das nuvens, super heróis, sem freios….quem perde com isso é a população.

  17. NUNO PORTO DE SANTOS disse:

    O Ministério Público também não me engana já h´algum tempo… É só mais um escrotão, esse (pré) facínora.

  18. henrique de oliveira disse:

    Meu irmão que foi juiz sempre disse que o judiciário é o poder mais corrupto e corruptor do BRASIL.

  19. Ligia disse:

    E não vai acontecer uma punição para esse otário. Este é o meu Brasil, fica dito pelo não dito. Triste.

  20. Sidnei Brito disse:

    Ainda por cima é um analfabeto político, atribuindo a petistas uma manifestação que era, em última análise, contra o governo petista.

  21. Fernando Moreno disse:

    Inacreditável e inimaginável que um membro do Ministério Público poste uma mensagem desse nível. Se o MP paulista não fizer nada, é porque realmente estamos no fim do mundo.

  22. José fernandes disse:

    Que lixo,… vi um post essa semana que dizia o seguinte:”Daqui saiu a grana para calar o mídia e a justiça até o ano 3 mil” no post tinha a foto do livro PRIVATARIA TUCANA….o uma boa parte do MP de São Paulo e parte do País estão sujos de bosta. como este citado na matéria acima.

  23. alex disse:

    Duro é vc ver um monte de gente boa partir desse mundo.. e ficar um sujeito desse para nos infernizar a vida! Nem pra ter um troço e ficar de boca torta pro resto da vida. Pra se arrepender das merdas que fala!

  24. Alex Herren disse:

    Como é burro! Ele acha que os petistas são filhos da mãe dele?

  25. C.Paoliello disse:

    O mínimo esperado seria excluir tal indivíduo dos quadros do ministério público. Menos que isso é prêmio.

  26. Kaca Versiani disse:

    Estrebuchem inocentes inúteis…. Sempre foi asssssssssiiiiimmmmmmmmm…… Sempre…. Vcs viram e aplaudiram o joaquim barbosa , o moro…… A lei para eles, não existe … Corporativismo absoluto…. Eles são a lei….azar de quem cair nas mãos deles…….

  27. Jotage disse:

    Foi por terra a teoria de que para diminuir a corrupção tem-se que pagar bons salários.
    O sistema de justiça brasileiro recebe os melhores salários do mundo e o que se vê é: prepotência, corrupção, desrespeito à constituição e às leis derivadas dela.

  28. Ricardo disse:

    Ele falou isso e não foi preso?

  29. Ricardo disse:

    É essa instituição que fiscaliza as polícias? E quem fiscaliza o Ministério Público?

  30. tiao disse:

    ” Zagallo,tão medíocre e ridículo quanto o outro”.

  31. roberto disse:

    É gente depravada como essa, que quer tomar o Brasil,sem voto,sem programa e sem vergonha na cara, e que consegue alguns otários e palhaços que vão para a rua bater em panelas inox e pedir a volta da ditadura.
    Infelizmente eles são incentivados por sub mídia tipo Globo, que tenta a todo o custo,enganar o cidadão brasileiro, que eles julgam ser o mais idiota e imbecil do planeta.
    A resposta do povo está na queda violenta de audiência dessa ameba televisiva,em todos os horários. E vai cair muito…muito mais.

  32. Sergio Santos disse:

    Pensei que o Brasil estivesse no século XXI, mas parece que os promotores e juízes ainda estão no século XIX, quando eles mandavam e desmandavam para manter os escravos negros, pobres e índios “no seu lugar” que era o da submissão. Apologia ao crime, mesmo quando perpetrada por uma autoridade, não é crime, também? É por isso que o Poder Judiciário não pode ficar do jeito que está. A única entidade que possui Soberania é a Pátria, não seus poderes… esses se sujeitam às Leis. Cadê o CNJ, OAB Nacional (golpista), etc.? Cadê a indignação dos justos? Ou isso só vale quando atinge o andar de cima? Vergonhoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *