Este é um país que vai prá trás

ploa

Enquanto a Folha dá uma manchete bem de acordo com a série “Agora a coisa vai”que você já se acostumou a ler nos jornais depois do golpe que levou Michel Temer ao Planalto, destacando um crescimento pífio de 1,1% nas receitas públicas (verdade capenga, porque ancorada numa correção inflacionária menor e na adoção de impostos novos, como o PIS/Cofins dos  combustíveis) a BBC chama a atenção sobre onde e com que vem sendo feita a “economia” que, ainda assim, nos deixa com um rombo de R$ 159 bi.

É que os investimentos públicos em queda nos levam para trás no tempo, à época em que as estradas se deterioravam, a escassez de energia nos apagava e Saúde e Educação eram muito mais precários do que são hoje.

Nos investimentos dos governos estaduais, que não podem emitir dívida, o efeito foi mais rápido, mostra o repórter Andre Shalders:

O investimento de todos os governos estaduais somados caiu de R$ 57,8 bilhões em 2014 para R$ 28,7 bilhões acumulados em 12 meses até junho de 2017, segundo o levantamento da IFI. De 1994 a 2000, o investimento médio dos Estados ficou em R$ 30,6 bilhões por ano, em valores corrigidos. O investimento dos Estados deve fechar este ano em 0,4% do PIB, que é a soma de tudo que o país produz. Em 2014, a cifra era de 1%.
O mesmo deve se repetir no governo federal e nos municípios, segundo Orair, pesquisador que já estudava o tema no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) há quase dez anos, desde 2009.

Na União, onde os investimentos eram de R$ 141 bilhões em 2014,  diz a matéria, eles caíram previstos na lei  orçamentária de 2017 para R$ 129,1 bilhões e vão baixar, em 2018, para R$ 98,6 bilhões (24% menores).

Este é, em todos os sentidos, um país que vai pra trás.

 

contrib1

Comentários no Facebook

16 Respostas

  1. Gilbert disse:

    Mais uma comprovação de que a lava jato foi uma das responsáveis pela crise econômica do Brasil:

    “As vulnerabilidades brasileiras são uma grande oportunidade para os investidores chineses, aposta o FT”

    “Jornal ressalta a “fragilidade” do Brasil e assegura que o País vem se mostrando um ótimo negócio para os chineses, que têm aumentado seus investimentos no País. O jornal britânico lembra que a China sempre investiu na América Latina, principalmente na Venezuela e no Equador, mas decidiu colocar dinheiro em países com “bases financeiras mais sólidas”. A China tinha pisado no freio em seus investimentos estrangeiros, mas os cofres estão abertos para o Brasil.

    “Graças à Lava Jato, de repente tudo está à venda: portos, estradas e aeroportos. Eu brinco que se há cinco anos a China tivesse dito que queria comprar a maior construtora do Brasil, as pessoas dariam risada. Hoje, falariam ‘sente aqui, vamos conversar’”, brinca Guan Ruey Ma, especialista em China e diretor da Tozzini e Freire advogados, referindo-se à Odebrecht. A reportagem lembra que a construtora brasileira vendeu sua participação no aeroporto do Galeão para uma empresa chinesa, num acordo de R$ 1 bilhão.

    A Lava Jato piorou a recessão no País e, para aumentar receitas, o presidente Michel Temer está privatizando “desde empresas hidrelétricas até a Casa da Moeda”, continua. A reportagem se refere ao governo com críticas. Considera que a “lentidão” em investir também é responsável pelo espaço aberto às chinesas. A parceria bilateral, contudo, é vista como o “casamento perfeito”, “porque a China tem o parque industrial que mais cresce no mundo” e o Brasil é “a maior potência agrícola e ambiental do planeta”.”

    https://www.conversaafiada.com.br/economia/ft-lava-jato-botou-tudo-a-venda

  2. renato arthur disse:

    A Mídia incentivadora e promotora do Golpe tenta salvar a cara mentindo, como sempre faz, que a economia se recupera, fato que qualquer um que entra em qualquer estabelecimento comercial verifica que a recessão se aprofunda e o Brasil vai indo para o Buraco.

    • leonardo-pe disse:

      onde moro, em volta, o que mais tem é apartamento a venda e por mais de 2 anos. não acha comprador.

  3. MARCO POLO disse:

    Sempre é possível piorar! Estou com receio do próximo presidente. A continuar nesse rítimo, o futuro presidente deve revogar a lei Áurea e ainda as leis criadas pelo Getúlio Vargas.

  4. Carlos disse:

    O setor da economia cujo faturamento tem crescido muito ultimamente (fora os bancos) é o das pequenas empresas que fazem placas e faixas de “ALUGA-SE” – “PASSA-SE O PONTO” – “VENDE-SE” para colocar nas portas das lojas que são fechadas uma após outra. Na região em que moro, existem dezenas de imóveis à venda que não encontram comprador. Tenho observado que em alguns supermercados vão sendo reduzidas as opções de determinados produtos supérfluos, porque encalham. Um restaurante “por kilo”, ontem, por volta das 14 horas, estava com metade das mesas vazias; lojas de carros usados estão fechando ou virando igrejas de seitas evangélicas. Por aí vai. Os gringos, os sanguessugas do mercado financeiro e os entreguistas estão c_gando e andando para isso.

    • renato arthur disse:

      Ou dos que dão Curso de “como enriquecer na crise”, só que quem enriquece é os que dão o curso os demais ficam mais pobres.

      • Carlos disse:

        Aquele tipo de consultoria que cobra para recolocar profissionais também vai faturar, mesmo sem conseguir recolocar 99% dos clientes, porque cobram pelos serviços independente de recolocar o infeliz.

    • Carlos disse:

      Tenho também observado que o empreendedorismo de semáforo (ou farol, ou sinal, como queiram) também está de vento em popa. Cada vez tem mais gente segurando um placa onde se lê “5 panos de prato por R$ 10”, fora vendedores de água, chocolates (que passaram o dia todo sob o sol e derreteram), carregadores de celular, amendoim, etc. Com certeza são eles, os ambulantes, os camelôs, as “fazedoras” de doces, bolos e salgadinhos para festas é que farão a nossa economia bombar e o PIB explodir! Engenharia pesada? Investimentos públicos em obras de infra estrutura? Petrobras? Pré sal? Isso só atrapalhava.

  5. Ghavan disse:

    Mas não era só tira o PT do poder que o pais melhorava.

    Brasil um pais de tolos.

  6. Katia disse:

    Bem vindo brava gente brasileira a nova era econômica brasileira neoliberalismo cassino (turbo) capitalismo e economia gig.
    O desastre vai ser ainda maior.

  7. maria do carmo disse:

    Eleitores de MS, nao votem em Carlos Marum, FAZ PARTE DA tropa de choque de Temer, inimigo dos trabalhadores, ESCRAVOCRATA, destruidor do Brasil, em maio Temer, apos JBS acusar Temer de chefe da maior organizacao criminosa do Brasil, com provas, e nao foi miragem, o Brasil de norte a sul viu em video, Temer o Monstro ia renunciar mas. o venal Carlos Marum deu forca ( Funaro confirmou com mais delacoes ) o Loures feliz e saltitante com a mala de dinheiro DE TEMER em video, hoje em prisao domiciliar, em mansao luxuosa no Lago Sul ( fora o bunker do Geddel subordinado ao chefao Temer ). nao votem em apoiadores de desrtuicao da CLT, previdencia desmonte da nacao, etc., etc.,etc., sociedade de MS, esclarecam os eleitores em defesa do Brasil, esse retrocesso vai chegar no bolso de todos os brasileiros honestos, gracas a gangue doTemer que governa o Brasil ! Eleitores de todos os estados do Brasil. nao votem nos POLITICOS VENAIS apoiadores do monstro Temer. entreguista das riquezas brasileiras, por 10% do valor, a troco de nada que nao e, com ministros corruptos especialistas em falcatruas! Sociedade decente brasileira acordem!

    • Ralfo Penteado disse:

      Esta pronto o decreto de mais uma faixa de surripio do cidadão comum trabalhador e pagador de imposto : via IRPF, a faixa dos 35%.

  8. Ralfo Penteado disse:

    Toda mídia chapa branca está com a boca cheia de dinheiro roubado do cidadão comum.

  9. Caetano te acha burro disse:

    Cadê los peleguitos do blog, falando de investimentos em educação, saneamento e infraestrutura agora?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *