Bolsonaro e os “Power Rangers”. A extrema-direita rediviva é uma tragédia, não uma comédia, embora pareça

bolsorangers

A direita no Brasil, que nunca teve pudor do estado de miséria e abandono a que relegou  seu povo por 500 anos, parece ter perdido mesmo  a vergonha de seus caricatos instrumentos.

O artigo do “porta-voz da juventude” Kim Kataguiri e  Jair Bolsonaro se reuniram ontem, um com texto, a Folha, e outro posando para fotos, em Brasília, na idade mental de adoradores dos Power Rangers.

Este é o grau de indigência intelectual que vai se tornando dominante nas manifestações da direita.

Não que a direita seja isso, não é e nem é de brincadeira.

Mas ela despertou um mal que o Brasil não via desde que os integralistas e os TFP tinham se tornado apenas agrupamentos de interesse meramente arqueológico.

Um espécie de Godzilla político, que ninguém sabe onde, quando e quem irá parar.

Já nem se acanham recomendando a distribuição de fuzis para que fazendeiros defendam a bala suas propriedades, em lugar de fazê-lo com as leis.

Sinceramente, fico até constrangido de imaginar o que os oficiais das Forças Armadas, gente madura e intelectualmente preparada, sentem vendo um pateta destes se exibindo como se fosse o retrato dos militares brasileiros.

Não é e a hierarquia militar abomina este comportamento de tolices vaidosas.

Os nossos auto-denominados Power Rangers não são a verdadeira face da direita brasileira e nem são de fato, até agora, uma perspectiva de poder.

Le Pen também não era quando elogiou os fornos crematórios.

Nem, muitos anos antes,  Hitler, no putsch da cervejaria.

O endeusamento desta aparente piada, ontem, tem significado.

Um significado tão terrível que não pode nunca ser encarado como comédia.

Posts relacionados...

Comentários no Facebook

20 Respostas

  1. Carlos disse:

    Pois é, os militares… Tenho me perguntado muito sobre isso. O que será que eles pensam a respeito da prisão do almirante e das ações dos aloprados da lava jato que colocam em risco a segurança nacional, a construção do submarino e know how de beneficiamento de urânio? O que a lava jata e a direita estão fazendo é o contrário dos nteresses dos militares.

    • Ninguém disse:

      Fiz um comentário sobre o assunto em outro local, mas repito aqui:

      Conversando com um amigo do PSOL, chegamos mais ou menos à mesma conclusão. O cenário ideal para os golpistas não é derrubar a Dilma, mas sim capar o presidencialismo por meio desse semiparlamentarismo oportunista e impedir que o Lula saia candidato em 2018. Em outras palavras, não deixar a Dilma governar (não que ela não esteja se esforçando, para mostrar que não governa) e enfraquecer ao máximo o executivo, para que, em 2018, o ungido do PIG saia como franco favorito nas próximas eleições.

      Derrubar a Dilma, através de qualquer prisma, é problemático. Se não, vejamos:
      1) Cai Dilma, assume Temer. Temer não se manterá muito tempo no poder, pois foi eleito na mesma chapa que Dilma e com base na mesma campanha.
      2) Caem Dilma e Temer, assume Cunha. Cunha, se ainda estiver solto, será rapidamente deposto, pois seria extremamente desmoralizante manter alguém claramente envolvido em atos da mais extrema gravidade (contas não declaradas no exterior) no cargo mais importante do país.
      3) Caem Dilma, Temer e Cunha, assume o presidente do Senado, Renan Calheiros, também envolvido até o pescoço com a corrupção.
      4) Caem Dilma, Temer, Cunha e Calheiros, assume o presidente do STF, provavelmente o boquirroto do Gilmar Dantas. Seria algo inédito e impensável. Dá pesadelos só de pensar nessa possiblidade.
      5) O golpe via impeachment é empurrado até 2017. Aí, em caso de impedimento, o novo mandatário é eleito indiretamente pelo Congresso (conforme o previsto na CF em caso de impedimento nos dois últimos anos do mandato). Não dá nem para imaginar quem seria eleito nesse circo de horrores…
      6) Em qualquer hipótese de afastamento da PR e/ou prisão ou desqualificação de Lula, o país pega fogo e não será possível governar. A única hipótese de a oposição dar o golpe e levar será por meio de uma brutal repressão policial.
      7) Outra incógnita será o posicionamento das Forças Armadas. Uma coisa que os militares sempre prezaram foi o interesse nacional (ainda que influenciados por interesses externos em determinados momentos). O Alto Oficialato de hoje, aparentemente, é muito mais arejado do que na década de 1960. Além disso, tem plena consciência de que, desde a redemocratização, nenhum governo defendeu mais o interesse nacional do que os do PT. Ele tem plena consciência de que os que estão a dar o golpe têm por objetivo privatizar tudo o que for possível, começando pela Petrobrás. O Alto Oficialato tem plena consciência de que os golpistas, por meio da República de Curitiba, estão atacando e destruindo empresas e projetos de altíssima importância estratégica para o país (haja vista o programa de submarino nuclear e os caças suecos da Gripen). Enfim, o Alto Oficialato sabe o que está acontecendo no Brasil. Agora, resta saber como se posicionarão.

      • Carlos disse:

        Pois é, é tudo isto que você escreveu no item 7 que anda passando pela minha cabeça. É claro que ditadura que houve é indefensável, mas os militares não deixaram de perceber que o país deveria progredir. Tanto que foram eles que construíram Itaipu e meteram o país naquele acordo nuclear para adquirir know how na área. E o que a gente vê é a lava jato destruindo uma empresa como a Odebrecht que foi ajudada pelos próprios governos militares a se expandir para o exterior, fora que ela tem um setor voltado diretamente à indústria de defesa nacional. Desde Lula houve investimentos nas forças armadas. A escolha do caça sueco levou em conta a transferência de tecnologia. Aí de repente tem gente que está desmontando isso tudo. Não sei. Os tontos ficam babando “corrupção, corrupção” e outras conversas que a mídia lhes condiciona a repetir, mas tem muito mais coisas por aí.

        • Iskra disse:

          Tem muito mais, tem o projeto aramar, o desenvolvvimento de satélites, foguetes da AEB, indústria de defesa , armento e defesa da amazônia , desenvolvvimento de tecnologia de guerra e de paz etc.

    • Onda Vermelha disse:

      Tudo o que você precisa saber sobre a vida e obra de Jair Messias Bolsonaro!
      Otimo video! Vale a pena. Recomendo. https://youtu.be/HSRrUE6RObY

  2. paulo disse:

    “Nem, muitos anos antes, Hitler, no putsch da cervejaria.”…lei de godwin na cabeça…o argumento da esquerda acabou…

  3. Luiz Rogerio disse:

    Brito, o Aécio já era, temos que tomar conta desse aí, esse sim coloca fogo no país…

  4. Felipe disse:

    Prezado Paulo, a esquerda militante ou ideológica, não usa de argumentos para se defender, ou contra atacar. Ela se baseia em fatos e fracassos do PSDB, do período monárquico e da gestão no governo militar.

    Que a Dilma é fraca politicamente isso é um fato, mas isso não é suficiente pra remove-la do cargo eleito por mais de 54 milhões de votos.

    A direita se mexe se mexe e não sai do canto. Eles não tem liderança nem projeto de governo senão pra acabar de afundar o Brasil como sempre fizeram.

    O Brasil vive um momento de dificuldades mas temos alternativas e soluções, ao contrario dos ditos anteriores que nem saída tinha.

  5. C.Paoliello disse:

    Santayana, brilhante como sempre, fala do domínio do atraso:

    http://www.redebrasilatual.com

  6. antonio carlos martins disse:

    AECIO,AS OPOSIÇOES CRIARAM ESTES OVOS DA SERPENTE( NÃO A JARARACA) ESTA A UNICA QUE TEM ADEPTOS!!O INCONFORMISMOS COM O RESULTADO DAS ELEIÇOES DE 2014 PRODUZIU ISTO A EXTREMA DIREITA! criaçao tb do PIG, da pf.do mp!!SOBROU PRO AECIO QUEM SABE VESTIU A CARAPUÇA! JUNTO COM ALCKMIM E COMPANHIAS- quero ver os comentarios hoje na TV Senado!

  7. Irion disse:

    Dois milhões de nazistas nas ruas, não valem mais do que os outros 198 milhões de brasileiros. Mas é preciso acabar com a Rede Golpe de televisão, conspiradora e subversiva, antes que seja tarde!

  8. Lenita disse:

    Acho que foi com esse cara ai que alguns que se dizem “progressistas” aprenderam a respeitar a dignissima presidenta DIlma. Esse cara é um aberração como poucos; dificil até de entender esse Brasil que apoia tal figura. Uma vergonha nacional e internacional; esse cara ja é um exemplo de horror para muitos paises onde o minimo de civilidade é necessaria. Os idolos da direita brasileira se merecem mesmo…

    http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/221009/Bolsonaro-xinga-Dilma-e-faz-insinua%C3%A7%C3%B5es-homof%C3%B3bicas.htm

  9. José Ricardo Romero disse:

    Não entendo porque não se avalia a enorme diferença entre as manifestações dos coxinhas e as da esquerda e apoiadores do governo, sindicatos, movimentos e outras associações de classe. A diferença gritante não é numérica mas de qualidade. Claro que não pode haver muita discrepância em número, por isso devemos todos estar presentes no maior número possível de cidades. Mas as elites do domingão na paulista não podem parar, não podem deixar de ganhar dinheiro, empresários, liberais e outros. Os vermelhos podem se quiserem e têm todas as condições de parar o Brasil. O que os trabalhadores têm a perder? Podem fazer um ensaio de paralisar as estradas, o recolhimento de lixo, fechamento de shoppings e butiques, a chegada de alimentos às cidades, o trânsito nas cidades e muitos outros serviços que deem prejuízos às elites. Organização para isso existe nos movimentos e sindicatos. Mostrará a força e a importância dos trabalhadores que se farão ouvir e temer. Chega de brincar com os trabalhadores e suas famílias. Mostrem a que vieram e as formas de organização que os coxinhas não podem sequer cogitar em ter. Greve geral? Quem vai se opor? A PM do Alckmin? Pelo que está claro até agora é que as forças armadas não vão meter o bedelho e, pelo que disseram claramente, só obedecem à comandante em chefe, a Presidenta Dilma.

  10. Iskra disse:

    Em política o maior erro é a inação ! E nisso a Dilma é imbatível , onde o Ministro da justiça ? Demora e quando escolhe erra !

  11. paul moura disse:

    Os caras tem que ser muito trolls para se fantasiar dessa forma.
    Devem ser alguns que vem comentar aqui no blog.

  12. mineiro disse:

    esses zumbis facistas nao tem competencia nem para governar a casa deles , quanto mais um pais. alias tem que perguntar para eles se eles sabem o que é pais , uma naçao. ta de brincadeira um pais como o brasil ser desgovernado por um moro ou bostanaro , nem o inferno aceita eles como governante , vai de retro satanas.

  13. mineiro disse:

    olha as conversas dos facistas, se alguem pode levar isso a serio , ditadura de cuba, intervençao militar, o maior governo ditador o pt . tem cabimento , eles nao sao ditadores nao , o pt que é , nem o sanatorio tem cura para esses zumbis. essa turma nao tem salvaçao, nem o inferno aceita.

    • maria do carmo disse:

      Mineiro, concordo nao existe adjetivacao, uma turba de ignorantes, garanto que a familia desses lixos devem sofrer, metidos a valentoes, so camisa de forca!

  14. Gustavo Henrique disse:

    O “mito” vem aí. Ninguém segura o BOLSOMITO. Ele é o nosso Donald Trump. Vai passar como uma motoniveladora por cima de qualquer adversário, a começar da jararaca de rabo dolorido. E depois por cima desses tucanos bundas-moles. BOLSOMITO vai resgatar a inscrição de nossa bandeira nacional: ORDEM E PROGRESSO. E terá enorme votação do público LGBT, cuja grande maioria o idolatra. De cada cinco homossexuais que eu conheço, TRÊS votam no MITO. Só o sindicalismo gaysista e as feminazistas não votam no MITO. Em 2018, BOLSOMITO ganha no primeiro turno !!! De lavada !!!

  15. maria do carmo disse:

    Paulo Rodrigo Almeida, qual a sua formacao?…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *