Arthur Virgílio sai das prévias metralhando Alckmin

virg

O nunca pacífico ninho tucano está mais às bicadas do que nunca.

O  prefeito de Manaus, Arthur Virgílio,  anunciou hoje  que não participará mais da prévia  para escolher o candidato do PSDB à Presidência.

Não tinha nenhuma chance, claro, mas saiu atirando pesado em Geraldo Alckmin, n’O Globo:

O partido precisa cair na real que com Geraldo Alckmin não ganha de jeito nenhum. Temos uma pessoa inviável se tornando candidato.

A metralhadora de Virgílio é pesada: “Não vou legitimar uma fraude. Digo isso porque as prévias, tal como as regras foram definidas, é uma fraude. Não vou participar não “.

E no Poder360:

“Conheci um dos homens públicos menos sinceros e mais capazes para a desfaçatez e fingimento em 40 anos de vida pública”.

Geraldo Alckmin tornou-se isso: um candidato inercial.

Caminha porque não há força capaz de imobilizar a tendência a que seja ele o candidato, depois da interdição de Serra, de Aécio….

Não terá, exceto residualmente, sequer o apoio do PSDB.

Geraldo Alckmin é o Cristiano Machado anunciado.

 

contrib1

Comentários no Facebook