Aproveite a oferta: roube e delate. ‘Lojas Moro’ dão 97,5% de desconto na cadeia

 

liquidacao1

A contabilidade apresentada hoje pela Folha é de cair o queixo.

Os ladrões do dinheiro público incriminados na Lava Jato receberam um “descontão” nas penas graças ao apetite dos procuradores da República e o juiz Sérgio Moro de obter delações premiadas cada vez mais suculentas e que construam o caminho para chegar aonde desejam chegar.

As condenações de 13 delatores, que somavam 283 anos e 9 meses baixaram a meros 6 anos e 11 meses.

E, assim mesmo, para alguns “privilegiados”: Alberto Youssef, com 3 anos, Fernando Baiano Soares, um e Nestor Cerveró – que ainda está negociando melhores condições, um ano e meio. Os três ficaram com 80% das penas de reclusão em regime fechado que sobraram depois da “grande liquidação” das “Lojas Moro”.

recorteÉ tão chocante que reproduzo aí ao lado o recorte do jornal, para que não se ache que o louco é este blogueiro aqui.

Inaugurou-se um precedente terrível.

O advogado –  e jurista respeitadíssimo – Antonio Cláudio Mariz de Oliveira resume a indignação de pessoas de bem com o que está acontecendo:

“Dá-se uma credibilidade absoluta à palavra do delator, que na verdade está delatando pura e simplesmente para se ver livre de prisões”. “[O delator] Delata e fala o que as autoridades queiram que ele delate e fale”, afirma Mariz.

Pior é que, a prevalecer este absurdo, estará inaugurada uma nova forma de roubar o Estado e sair, praticamente impune: delate seu cúmplice ou algum outro dirigente público ou político que desagrade e sobre quem você possa colocar suspeitas ao gosto da mídia.

E sair livre, só com uma pulserinha no tornozelo, para gozar as mansões, lanchas e outros apetrechos que lhe sobraram, depois que você devolveu parte do roubo.

Aproveite, é por pouco tempo, porque alguém vai acabar acordando para isso e os tribunais, amedrontados pela ditadura pró-Moro que impera na mídia e vai por fim a esta festa imoral.

Posts relacionados...

Comentários no Facebook

20 Respostas

  1. Maria disse:

    Antonio Cláudio Mariz de Oliveira
    seria correto, e não Carlos.????

  2. Mauricio Gomes disse:

    Depois que o pastor-procurador e sua patota disseram que a lava-jato irá durar mais 3 anos (“coincidentemente até as próximas eleições presidenciais”), eu não duvido de mais nada. Essa operação é um escárnio do começo ao fim, com vazamentos e grampos ilegais, prisões “preventivas” de 1 ano, delações forçadas ou armadas, etc. Essa turma é uma cambada de fascista FDP, que quer usar suas funções para fazer política partidária. Para coroar a segunda, ficamos sabendo que o “Kinta Katiguria” é o novo colunista da Folha, essa é de doer. Um analfabeto mirim e aprendiz de fascista agora vai ter um espaço cativo para vomitar suas sandices.

  3. Francisco disse:

    Daqui a pouco abre-se um precedente para mais picaretas do mundo, virem, ao Brasil e sugar e dilapidar o estado; é só se filiar no partido certo( bicudos, demos, currais evangélicos e assemelhados), ter um bom roteiro de delação para a lei( JB, mourinho, inquisidores feudais, playboys do MP ) e oferecer um agrado($$$) pros tabloides nativos( PIG sabujo e vira-latas incondicionais do tio Sam) e pronto …. blindagem total.
    Al Capone sabendo desta situação lá no além deve ter esbravejado( ” … que droga !! nasci e vivi no país errado, se eu vivesse no Brasil seria um rei e não teria um Eliot Ness no meu calcanhar !! … )

  4. Calixto disse:

    Brito, seria bom tornar público e apurar melhor que a PGR aceitou a delação do doleiro Lúcio Bolonha Funaro durante o mensalão e o isentou completamente dos dez crimes que a CPI dos Correios havia indiciado. E que a delação desse doleiro não incluiu os negócios com Eduardo Cunha (pagamento de apartamento no Blue Tree, operação fraudulentas no fundo de pensão PRECE da CEDAE, do Rio de Janeiro, por exemplo). Isso reforça a tese de que Funaro e outros delatores falam o que se quer ouvir. Por isso, Funaro delatou José Dirceu, PT, Valdomiro da Costa Neto e se “esqueceu” do seu sócio oculto, cujo relacionamento vem à tona hoje com as denúncias de Janot. Além disso, agora o então PGR. Antônio Fernando, que tomou a delação de Funaro virou advogado de Cunha.

  5. pedro disse:

    Bom para desagradar alguns e outros também acho a lava jato totalmente parcial, mas se é para tentar amenizar a roubalheira do dinheiro publico que o PT nos ensinou a tempos atrás que era algo sagrado e que deveríamos defender até com a vida\\\\\\\\\\\\\\; não concordo com toda essa celeuma contra essa operação que pode de uma forma ou de outra servir de aprendizado pra quem acha que politico e empresario podem fazer farra com o sangrado dinheiro publico. Em tempo: Destaco que o STF já se manifestou em vários recursos da lava jato e não considerou nenhum deles ilegal, ou o STF também é parcial? ai então fechamos a porta para balanço e cada um por si e sei la quem por todos.

    • Arthemísis disse:

      Calma aí, o caminho da delaçào premiar já se provou inútil pelas mãos do próprio juiz Moro. Não ezqueç que Youssef foi delator no caso Banestado e é criminoso reincidente e também premiado reincidente. Se isso não é incentivo ao crime, é o quê?. Você acredita que Youssef, empresários e políticos corruptos vào parar de delinquir por causa da Lava Jato? Lamento informar, mas não irào. A função do Judiciário não é inventar moda, mas aplicar a lei é isso não estão fazendo.

  6. Paulão disse:

    Messianismo é do que se trata. Querem, com desconto de até 100%,/ chegar ao seu desafeto froidiano, que para eles representa a desorganização da vida mansa que sempre tiveram, chegar ao Lula que teve a ousadia de dar salário decente e colocar os pobres nas faculdades.

  7. Alisson Souza disse:

    E a ordem de Lula-Pale$trinha a todos os estatizados é desmoralizar Sérgio Moro e a Operação Lava Jato antes que eles cheguem no centro do problema.

  8. Ricardo disse:

    E não é que descobriram que o pai do Sergio Moro foi um dos fundadores do PSDB em Maringá!! Será que esta é a razão do caso Banestado não ter dado em nada!! Pode isso Arnaldo?? Quá quá quá!

  9. Luis disse:

    A chance que tínhamos era um PGR não tucano, não DEM, e o Paulo Lacerda na PF. Entregamos a PGR e demitimos o delegado. Pra piorar indicamos juizes “sensiveis” a Globo. Os fundos de pensão dos States já estão aí pra comprar. O projeto nuclear parou. Só falta ver até onde vai o estrago.

  10. titus disse:

    Enquanto os messianicos da lava jato fazem fumaca com a midia(PIG) as privatizacoes vao a toda velocidade(os banqueiros abutres(mercado)todos aliados nesse plano demoniaco ))roubar o Brasil…
    Os ladroes ficam soltos(mesmo caso do Banestado)(mesmo juiz) e a historia se repete ..fazem a limpeza na propriedade publica (tire do povo) e entregue aos banqueiros e amigos a preco de banana..(minha Vale do rio doce) tanto sacrificio para enriquecer um punhado de egolatras….

  11. Maria Rita disse:

    Moro e sua republiqueta: liquidando o Brasil e soltando os bilionários ladrões. Tudo para acabar com o PT, como queria o boss do norte.Os judas e suas moedas de ouro.

  12. marco guerra disse:

    Porque nao pedem a revisao da pena? Na.estsncia superior ? Tem alguem ai?

  13. Alex disse:

    Mafiosos reclamando aqui nesse blog…
    Pois bem… nos estados unidos mafiosos trocaram a pena perpétua, e penas de 300 anos pela delação. Como resultado ACABOU A MÁFIA. Da-lhe Moro! Fernando Brito em cana, logo logo!

  14. S.Bernardelli disse:

    Não precisa ser vidente para saber quem é esse senhor,bastava ver o que ele tornou depois do prêmio da Globo, com certeza boa coisa não iria sair dali.Ele sempre se sentiu o máximo dos máximos se sentiu mais ainda quando aquela manifestação de “1milhão” de otários o exaltaram.

  15. alex disse:

    Aprendam a fazer contas ….dos 40 bilhões desviados apenas recuperaram 2 bilhões isso representa 0,5 %
    Na real o desconto do Moro é de 99,5%
    Um par de anos na domiciliar e uma vida inteira para gastar ………. será que nosso paladino da justiça vai participar da festa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *