Abra as caixas do Lula, Moro, e mostre ao povo., diz Okamoto

okamoto

O presidente do Instituto Lula, Paulo Okamoto, requereu ao juiz Sérgio Moro que mostre, publicamente, o que são os “bens pessoais” de Lula armazenados de favor – exatamente como foram os de Fernando Henrique, quando este deixou a Presidência – e que servem agora para “provar” que o aluguem de espaço num galpão fazia de Lula o ‘ principal comandante e beneficiário” do esquema de corrupção das empreiteiras na Petrobras.

O advogado de Okamotto, diz que os “dez contêineres com o acervo e as 400 mil cartas da população” cujo armazenamento foi pago pela OAS integram “o patrimônio cultural brasileiro e são declarados de interesse público”.

Acervo pessoal não é o mesmo que bem pessoal, talvez alguém consiga explicar isso aos rapazes de Curitiba.

Vou tentar, porém.

A minha cadeira, as minhas camisas, os meus sapatos são meus bens pessoais. Se eu quiser posso dar, vender ou jogar fora, ninguém tem nada com isso.

O acervo presidencial, não. Lula não pode dar, vender como quiser ou jogar fora.

Acervo “privados” presidenciais, há 25 anos, “integram o patrimônio cultural brasileiro e são declarados de interesse público para os fins de aplicação do § 1° do art. 216 da Constituição Federal” (art. 3º, caput, da Lei nº 8.394/91)

E acervo não são só papéis, por definição de decreto baixado por FHC, o de  nº 4.344, de 26 de agosto de 2002:

“Art. 3º. Os acervos documentais privados dos presidentes da República são os conjuntos de documentos, em qualquer suporte, de natureza arquivística, bibliográfica e museológica, produzidos sob as formas textual (manuscrita, datilografada ou impressa), eletromagnética, fotográfica, filmográfica, videográfica, cartográfica, sonora, iconográfica, de livros e periódicos, de obras de arte e de objetos tridimensionais.”

É obrigado a conservá-lo e não pode se desfazer de nada dele, a não ser por um leilão onde o Instituto do Patrimônio Histórico tem a preferência de pagar o preço mínimo exigido. Ou nem isso, porque a viúva do General Figueiredo, em 2001, segundo o Estadão, passou nos cobres, entre outras peças, “três presentes recebidos de governantes (pedras preciosas dadas por Miguel de la Madrid, do México; uma águia presenteada por Ronald Reagan, dos Estados Unidos, e uma arca de madeira e marfim de Ferdinando Marcos, das Filipinas).

Quanto é que Lula recebe para conservar em boas condições este acervo? Zero.

Quanto é que recebe de pensão por ter sido Presidente, o que ainda justificaria que fosse sua obrigação pagar a guarda? Zero, porque ex-presidente não tem pensão.

Qual é a “vantagem pessoal” ou “benefício” que alguém usufrui de um galpão com dez caixas fechadas?

Eduardo Cunha tinha “trusts”, Lula só tinha “trastes”, se considerados pelo lado do proveito pessoal que lhe traziam, mas inestimáveis documentos da história brasileira.

Paulo Okamoto fez muito bem em partir para a ofensiva. É crime? “Então me levem preso, e expliquem qual foi o crime”.

 

Posts relacionados...

Comentários no Facebook

78 Respostas

  1. Luiz Gomes Moreira disse:

    a DIREITA BRASILEIRA (igual de outros países) tem por pátria os exploradores de nosso país. Para eles, deveria ser trocado o DIA de TIRADENTES, pelo dia de SILVERIO DOS REIS. Sempre apoiando os estrangeiros que vem nos explorar. Assim, para eles isto não é traição, pois a PATRIA É OS EUA, e outras potências capitalistas. Por isto, adoram MIAMI. Logo, não adianta tentar mostrar a estes canalhas que seu povo é o povo explorado do BRASIL. Vão sempre atuar como todos os CAPACHOS. Lamberem as BOTAS (e outras coisas) dos exploradores, desde que recebam sua paga.Nem vale a pena postar nada contra canalhas.

    • Tomás disse:

      Gilmar Mendes afirma que denúncia do MPF dá segurança a Lula, porque agora o ex-presidente tem a materialidade da denúncia para se defender. Mas… Se defender aonde? Com o Sérgio Moro? Na corte do TRF do Sul? No notório STF? Esta declaração do ministro não é mais uma simples ironia, já que soa como puro sarcasmo. Só faltam as gargalhadas finais.

  2. flavio disse:

    delegado fleury e coronel ubiratan tiveram uma morte digna de um inseto. espero que moro tambem uma morte patetica

  3. Euler disse:

    Na verdade, estamos vivendo já um estado de exceção. A direita domina os cargos-chave da burocracia estatal – ministério público, PGR, STF, PF e o parlamento. A mídia é totalmente controlada pelos donos do PIB e a serviço dos piores interesses. E o povo só pode contar com a força da sua (nossa) luta. É isso que precisamos esclarecer e dialogar com a população. Há toda uma conspiração quadrilhesca que envolve esses canalhas dos diversos poderes – com raras e honrosas exceções -, e que têm como metas: destruir qualquer forma de poder popular e democrático; confiscar os direitos e conquistas do nosso povo; entregar as riquezas nacionais – ou o que restou delas – para os donos do PIB do Brasil e do mundo; recolonizar o nosso povo, incluindo a volta da escravidão, submetendo os trabalhadores a condições cada vez mais degradantes de trabalho e de vida. Diante disso, existem duas formas de reação: aceitar passivamente este massacre sobre o nosso povo, ou resistir e lutar de todas as formas, com as armas que pudermos, nas ruas, nas redes sociais, nos campos e nas construções. Pode ser até que, no final, o golpe tenha tido este papel indireto de conseguir reunir o nosso povo em torno de interesses comuns para enfrentar os de cima. O tempo dirá quem foi capaz de dar a última palavra.

  4. Walter Pastori disse:

    NOSSO PROBLEMA E UM SO A MIDIA NEFASTA QUE DAO ESPAÇO PRO STF MPF PF E OUTROS BEM INTENCIONADOS FAZEREM O QUE QUEREM SEM A MININA PREOCUPAÇÃO COM AS PESSOAS E PRINCIPALMENTE O PAIS COM ESSAS POSIÇÕES PARTIDARIAS QUE A GENTE VE TODO DIA NA IMPRENSA NEFASTA SIMPLESMENTE ESTAO ARREBENTANDO COM O PAIS ELES TEM EMPREGO GARANTIDO COM BONS SALARIOS NAO PERDEM O EMPREGO SE APOSENTAM COM SALARIO INTEGRALE OUTROS BENEFICIOS QUE NOS SIMPLES MORTAIS NAO TEMOS E PIOR SE APRESENTAM COMO PALADINOS DA JUSTIÇA SAO DONOS DO BRASIL SE ACHAM COM SUPER PODERES E TEM GENTE QUE BATE PALMAS PRA ESSES NOBRES SENHORES.

  5. Antonio disse:

    Será que a acusação não é sobre o fato da OAS pagar o armazenamento do acervo?
    Em tempo: Lula terminará em seu próximo aniversário seu ano pessoal 9. São anos difíceis na grande maioria das vezes, pra todos nós. E, em 27 de Outubro, entra num ano pessoal 1. Ele vem mordendo pra 2018! A energia para começar novos projetos de vida é muito forte.

  6. James Gressler disse:

    Consta que moro está agora nos states de novo (teria ido prestar contas e receber ordens ?). “How am I driving ? Anything else , uncle SAM ?
    E na volta vai abrir e mostrar as caixas (se os procuradores convictos do powerpoint deixarem).

  7. Renato Arthur disse:

    De Ayrton Centeno Por que Lula deve morrer -parte 1- Para o Brasil saber quem é Lula
    Lula já deveria ter morrido. Cedo, quando nasceu. Quando veio ao mundo em 1945, a mortalidade infantil no Brasil era de 146 x 1000. Quase 150 óbitos antes do primeiro ano de vida em cada mil crianças. Isto na média nacional que, hoje, a propósito, é dez vezes menor. Mas naquele tempo, para quem vinha aumentar família pobre, da área rural e do Nordeste, os números eram ainda mais atrozes.
    Um dos 12 filhos de dona Lindu — quatro não sobreviveram — Lula nasceu em Caetés, então zona rural de Garanhuns/PE. Casa de taipa, erguida em barro e madeira, um quarto, uma mesa, cinco redes. Água? Amarela, das poças de chuva, dividida com o gado e povoada por girinos. Comida? Feijão, arroz e farinha, carne rara, às vezes de preá ou passarinho. Proteína animal acessível era a da içá, nome da tanajura no Agreste pernambucano.
    Talvez por isso prosperou na região a prática não registrar os bebês logo após o parto. Aguardava-se o segundo aniversário. Era preciso que a criança “vingasse”. Aquelas que sucumbiam antes dos dois anos eram sepultadas sem nome nem história. Agitava-se então um sininho. Na tradição de vidas tão ásperas, era o sinal para informar que mais um anjinho subira ao céu.

  8. Renato Arthur disse:

    De Ayrton Centeno Por que Lula deve morrer -parte 2- Para o Brasil saber quem é Lula
    Quem sabe a dieta de formiga frita tenha salvado Lula de virar estatística. É bem provável que aqueles que o odeiam passem a odiar também o inseto providencial que matou sua fome e o ajudou a sobreviver. E o sininho não bateu.
    Vendedor de tapioca aos sete anos, depois tintureiro, engraxate, metalúrgico e presidente de sindicato, Lula poderia ter morrido naquele sábado, 19 de abril de 1980, quando seis agentes do Dops empunhando metralhadoras foram prendê-lo em casa às 5h30 de uma manhã nevoenta. Uma “condução coercitiva” em São Bernardo cinco anos antes da ditadura exalar seu último suspiro. Temeu, como diria depois, aparecer morto num “acidente” na via Anchieta.
    Afinal, sob o regime civil-militar muita gente buscada em casa para “prestar esclarecimentos” nunca mais foi vista. Virou preso político mas, uma vez mais, não morreu.

  9. Eliane ex SP agora RS disse:

    Muitas vezes, precisamos da luz que vem da simplicidade. Especialmente em tempos trevosos como os que vivemos hoje.
    A simplicidade deste texto, no link abaixo, me tocou:
    http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/2016/09/a-voz-de-um-brasileiro-com-raiva-desta.html

  10. Roberto disse:

    O Moro é tão burro,que não vai entender bem essa questão.
    Acho que além de explicar mais uma meia dúzia de vezes,a coisa toda vai ter que ser desenhada,para a sua mente bizarra entender de vez ….ou não.

  11. nilo batista disse:

    “Acervo pessoal não é o mesmo que bem pessoal, talvez alguém consiga explicar isso aos rapazes de Curitiba.
    Vou tentar, porém.”
    Não tente nobre blogueiro, voce não sabe ler direito, e ainda por cima citou a lei errrada.
    Talvez voce consiga explicar porque um patrimonio que deveria estar disponível ao povo brasilieiro estava um cofre onde ninguem tem acesso. Porque estava no nome da esposa e do filho. Porque sempre tem um rolo com uma empreiteira, pronta pra “ajudar” sem querer nada em troca.

    • Batista disse:

      Tu é cínico ou ignorante?
      Se cínico, sabe que é pura asneira e perda de tempo o que despeja por aqui para enganar ignorantes, que no Tijolaço rareiam, portanto é melhor vazar e ir pentear macacos que é mais produtivo à sua estupidez.
      Se ignorante, vá se informar com fontes idôneas sobre o assunto, pois além de tirar o cérebro da inércia rolabosta replicante em que te meteram, descobrirá que o acervo do ex-presidente Lula é composto de peças sem valor material, apenas histórico, armazenadas em contêiner, em galpão “guarda móveis”, e peças de valor material que devem ser preservadas em locais providos de segurança, como no caso cofre de banco, enquanto não disponível local apropriado para armazena-lo e expô-lo.
      Descobrirá que não há crime em uma empresa bancar essa despesa do acervo, pois o responsável pela guarda não aufere lucro sobre o mesmo, que exige despesas para ser mantido, portanto, nada mais normal que a OAS, por exemplo, possa colaborar em manter parte do patrimônio histórico brasileiro e bancar o aluguel de espaço para armazenar o acervo dos governos Lula, enquanto não se disponibiliza um local apropriado para armazena-lo e expô-lo aos interessados, ou seja, é o mesmo que a Votorantim e outras empresas que disponibilizaram mais de 2.000 m2 para que FHC instalasse seu Instituto e acomodasse o seu acervo, que contou com colaboração recente da Odebrecht em quase um milhão de reais para ajudar a mante-lo, sem que no caso alguém considerasse crime ou virasse novela no JN.
      E olha que Lula não promoveu enquanto presidente, com fez FHC, jantares com os maiores empresários nacionais para arrecadar fundos para bancar a instalação do instituto, ainda durante o mandato e em pleno palácio do Alvorada, sem contar a colaboração da SABESP. O resto fica para descobrir sozinho, caso contrário nunca aprenderá a pensar com a própria cabeça e buscar informações fora do monopólio da desinformação da rede globo e co-irmãs. Para encerrar, aproveita para pensar onde está o crime, e se acha-lo nos informe.

      • Tomás disse:

        O acervo do ex-presidente Sarney, formado por presentes que ele ganhou em seus cinco anos de governo, ele transformou em um museu no centro de São Luiz. Mas o do Lula deve ser muito maior. O que está havendo é notória desonestidade informativa por parte políticos. Eles sabem que todos os que têm boa cabeça para pensar vêm a escandalosa armação que eles tentam fazer sobre este assunto. Mas perderam totalmente o pudor intelectual. Só interessa a eles a enganação que os simples da classe média sorverão das revistas e das tevês alinhadas com o Golpe de Estado que estão perpetrando.

    • Alisson Souza disse:

      Questão de lógica para concursos

      (LULA/LAVAJATO-2016) De acordo com a frase abaixo, assinale a interpretação correta:

      Lula: “A profissão mais honesta é a do político. Sabe por quê? Porque todo ano, por mais ladrão que ele seja, ele tem que ir pra rua encarar o povo e pedir voto. O concursado, não. Ele se forma numa universidade, faz um concurso e está com o emprego garantido.”

      Para Lula:

      a) Ser ladrão é ser honesto
      b) Se for político, pode ser ladrão que ainda assim é honesto
      c) O fato de pedir voto, mesmo sendo ladrão torna a pessoa honesta
      d) A pessoa pode ser honesta por maioria de votos, por mais ladrão que seja
      e) Todas as anteriores

      • Nelson disse:

        Aqui temos outro que, como o Nilo Batista, deixa embotar seu cérebro pelo ódio que alimenta contra o “Barbudo”. O que fazem quatro derrotas consecutivas e a perspectiva muito forte de sofrer mais uma daqui a dois anos.

    • Nelson disse:

      O “Barbudo” impingiu nada menos que 4 derrotas eleitorais ao Batista e deve impingir uma quinta, se não for retirado, “democraticamente”, da disputa. Não conseguindo engolir tanta derrota, o Batista alimenta mais e mais um ódio visceral ao “Barbudo”.

      E esse ódio é tão grande que acaba sufocando qualquer espaço que ainda resta no cérebro do Batista para um mínimo de bom senso. O resultado disso: ele desanda a escrever besteiras, uma após a outra.

  12. Renato Arthur disse:

    FHC humilha Lula, um dos seus ap. no Brasil ( não em Paris ou NY) da de 10, no pretenso ap que Lula desistiu.
    http://www.conversaafiada.com.br/politica/ape-de-fhc-e-investigado-criminalmente.
    O que Moro tem a dizer?

  13. Messias Franca de Macedo disse:

    Lavem a boca comum podre de vocês com creolina, desinfetante e antisséptico de última geração
    http://s2.glbimg.com/Q2KKl-3g8q0UviZk0XXeYa_kXrg=/e.glbimg.com/og/ed/f/original/2015/02/11/juizes_investigacao_brasil.jpg

    • Messias Franca de Macedo disse:

      GOLPE CUSTOU 1,5 MILHÃO DE EMPREGOS AO PAÍS

      Esse foi o preço pago pela população brasileira pela aliança entre o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que paralisou o País com a política do “quanto pior, melhor”, colocada em marcha para criar as condições para o afastamento da presidente Dilma Rousseff; dados foram divulgados hoje pelo Ministério do Trabalho e representam o pior resultado desde 1985; além da perda de postos de trabalho, houve ainda uma queda de 2,56% na renda média dos trabalhadores; no início de 2015, um dos líderes do PSDB, o ex-governador Alberto Goldman, indicou o caminho, ao dizer que o impeachment só viria se houvesse deterioração econômica – ou seja, “quanto pior, melhor”

      16 DE SETEMBRO DE 2016 ÀS 17:33

      (…)

      FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.brasil247.com/pt/247/economia/255673/Golpe-custou-15-milh%C3%A3o-de-empregos-ao-Pa%C3%ADs.htm

      • Messias Franca de Macedo disse:

        Eminente, catedrático e impávido professor Wanderley Guilherme dos Santos.

        São todos da mesma organização criminosa!
        Jornalista Paulo Henrique Amorim,
        Desde ontem não ia à blogosfera, preservando a normalidade de minha pressão sanguínea.
        Pelo mesmo motivo, não assisto aos espetáculos de canastrice de posses judiciárias, discursos oficiais e denúncias, mais do que sem provas, sem pudor.
        Fui ao Conversa, assisti a todos os vídeos e li todas as matérias.
        É espantoso como a impunidade progride: esses rapazes curitibanos são esbirros do Procurador Geral, por sua vez afilhado de crisma do STF.
        É um grave equívoco acreditar que ainda existe separação de Poderes no Brasil: membros do Executivo, Legislativo e Judiciário pertencem todos, em vasta maioria, à mesma organização criminosa.
        Não há diferença substantiva entre declarações do ministro Gilmar Mendes, pronunciamentos de Rodrigo Janot, traques oratórios de Michel Temer e decisões da Câmara dos Deputados.
        Só faltam as Forças Armadas, mas o oco presidente da República irá chamá-las, já, já.
        O editorial cereja do O Globo está redigido.

        abraço,
        Wanderley Guilherme

        em
        ‘É um equívoco acreditar que ainda existe separação de poderes no Brasil: todos pertencem à mesma organização criminosa’

        15 de setembro de 2016

        FONTE [LÍMPIDA!]: blogue ‘O Cafezinho’

  14. josé magno disse:

    Quando leu um comentario calhorda de um trol ficou com o seguinte pensamewnto: se nos encontrassemos frente a frente em lados opostos num campo de luta.Cada um com sua arma em punho defendendo-se .Aí sim. Não seria necess´rio aborrecer-se.Vence o melhor.A questão é que todo o ódio contra LULA é expelido pel familia Marinho, por causa do triplex da Paula.E a vingança tem de acontecer aos olhos dos seus defensores.Será que tem-se de importar um(a) iraniano(a) para explodir aquela merda.

  15. Irion disse:

    Os Torquemada (ou Torquemoro..) estão por aí! E eles não seguem as leis processuais brasileiras e desprezam a Constituição. Eles seguem o MANUAL DA CIA! Já viram a CIA “perder tempo” em produzir provas, por exemplo, em Guantânamo? Prova? Para que prova??? A prova é a convicção que fica dentro da cabeça do mauricinho de plantão, seja do MP ou do Judiciário. É simples! Mas é o que reza o Manual da CIA (ao menos é a minha convicção…)

  16. Messias Franca de Macedo disse:

    Por que Moro viaja tanto aos EUA, meu Deus?

    O Pimenta quer explicações

    publicado 16/09/2016

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.esmaelmorais.com.br/2016/09/por-que-moro-viaja-tanto-aos-eua-meu-deus/

  17. renato arthur disse:

    Porque Temer não fica no ap do FHC em NY?
    Michel Temer e sua comitiva que vão a ONU, ficarão hospedados no luxuoso hotel de Nova York Plaza Athenée, um dos mais caros da cidade. A informação divulgada para a imprensa, porém, foi de que a culpa pela hospedagem luxuosa é de Dilma Rousseff.
    Nota divulgada pela colunista Vera Magalhães, do Estado de S. Paulo, diz o hotel havia sido contratado por Dilma Rousseff em abril desse ano, quando fez uma reserva para ela e mais 50 pessoas, mas acabou se hospedando na casa do embaixador Antonio Patriota.
    Segundo a nota, o hotel não devolveu o dinheiro por conta do cancelamento de última hora, e deixou um crédito de R$ 50 mil com a embaixada do Brasil. Detalhe: como presidente do Brasil, não haveria nada demais em Temer se hospedar no Plaza ou pedir p/ FHC
    Do blog 247

  18. Ricardo disse:

    A ANPR, associação dos procuradores, emitiu nota em que ataca os que criticam os abusos da Lava Jato. Mas contraditoriamente, na nota, o próprio presidente da entidade, José Robalinho, diz que: “nenhuma verdade pode ser construída pela edição de frases e repetição de uma mentira”. Vai entender esses procuradores! Deve ter sido um ato falho.

  19. Ricardo disse:

    Não seria caso dos advogados exigirem “exceção de verdade” tendo em vista declarações difamatórias à mídia, de juiz, procuradores e delegados da Vaza Jato?

  20. Ricardo disse:

    No manual da Vaza Jato, ou “Considerações sobre a operação Mani Pulite”, prega-se que, se não se dispuser da “carga de prova exigida” para se acusar alguém, deve-se usar a “opinião pública” como “salutar substitutivo” para a falta de provas para, dessa forma, punir com o ostracismo, agentes públicos que forem considerados – não pelas normas legais, mas de acordo com a convicção do julgador- culpados.
    Diz o manual da Vaza Jato, escrito por Moro em 2004: “A punição judicial de agentes públicos corruptos é sempre difícil, se não por outros motivos, então pela carga de prova exigida para alcançar a condenação em processo criminal. Nessa perspectiva, a opinião pública pode constituir um salutar substitutivo, tendo condições melhores de impor alguma espécie de punição a agentes públicos corruptos, condenando-os ao ostracismo”.

  21. Ricardo disse:

    No manual da Laza Jato, ou “Considerações sobre a operação Mani Pulite”, prega-se que, se não se dispuser da “carga de prova exigida” para se acusar alguém, deve-se usar a “opinião pública” como “salutar substitutivo” para a falta de provas para, dessa forma, punir com o ostracismo, agentes públicos que forem considerados – não pelas normas legais, mas de acordo com a convicção do julgador- culpados.
    Diz o manual da Lava Jato, escrito por Moro em 2004: “A punição judicial de agentes públicos corruptos é sempre difícil, se não por outros motivos, então pela carga de prova exigida para alcançar a condenação em processo criminal. Nessa perspectiva, a opinião pública pode constituir um salutar substitutivo, tendo condições melhores de impor alguma espécie de punição a agentes públicos corruptos, condenando-os ao ostracismo”.

  22. Ricardo disse:

    No manual da Lava Jato, ou “Considerações sobre a operação Mani Pulite”, prega-se que, se não se dispuser da “carga de prova exigida” para se acusar alguém, deve-se usar a “opinião pública” como “salutar substitutivo” para a falta de provas para, dessa forma, punir com o ostracismo, agentes públicos que forem considerados – não pelas normas legais, mas de acordo com a convicção do julgador- culpados.
    Diz o manual da Lava Jato, escrito por Moro em 2004: “A punição judicial de agentes públicos corruptos é sempre difícil, se não por outros motivos, então pela carga de prova exigida para alcançar a condenação em processo criminal. Nessa perspectiva, a opinião pública pode constituir um salutar substitutivo, tendo condições melhores de impor alguma espécie de punição a agentes públicos corruptos, condenando-os ao ostracismo”.

  23. Cláudio disse:

    :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra**S**il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas…
    .:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *

    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula (sem vaselina) 2018 neles (que já tomaram DE QUATRO) !!!!

    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * * * * * * * * * * *

  24. Alisson Souza disse:

    Questão de lógica para concursos

    (LULA/LAVAJATO-2016) De acordo com a frase abaixo, assinale a interpretação correta:

    Lula: “A profissão mais honesta é a do político. Sabe por quê? Porque todo ano, por mais ladrão que ele seja, ele tem que ir pra rua encarar o povo e pedir voto. O concursado, não. Ele se forma numa universidade, faz um concurso e está com o emprego garantido.”

    Para Lula:

    a) Ser ladrão é ser honesto
    b) Se for político, pode ser ladrão que ainda assim é honesto
    c) O fato de pedir voto, mesmo sendo ladrão torna a pessoa honesta
    d) A pessoa pode ser honesta por maioria de votos, por mais ladrão que seja
    e) Todas as anteriores

    • Salvador disse:

      É, Não me espanta que tu seja facilmente manipulado por argumentos falaciosas, afinal é o que tu consome sobejamente. O irônico de tudo isso é que tu pensa que pensa. Lula falou sobre controle, escrutínio. De tanto ler o Antagonista tu finalmente conseguiu se tornar o que fazia estágio para tal, ou seja, uma anta.

      • ernesto disse:

        Vc quer argumento mais falacioso que o do Molusco? O concursado tem emprego garantido, o político precisa pedir voto a cada quatro anos, o vendedor tem que vender todo dia. O que isso tem a ver com honestidade? O produto que o cara vendeu é bom só porque ele conseguiu enganar muitos trouxas durante algum tempo e alguns por muito tempo? Algo garante que ele não está desviando o dinheiro das vendas? É ridícula essa tentativa de vincular honestidade à capacidade de venda (inclusive de si mesmo, no caso do político), só militonto para não perceber o truque (i)lógico do malandro.

        • Salvador disse:

          Primeiramente vc tem de se decidir: ou Lula é um apedeuta, ou é um malandro esperto capaz inclusive de truques de lógica e retórica. Acontece que o teu cinismo ( ou topeirismo) não te deixa perceber que admitir que o ESCRUTINIO sobre um político é bem maior que sobre (hummm deixa eu ver, por exemplo) um membro do poder judiciário ou seus satélites. É evidente que oriundo da coxinholandia e exposto a uma masturbação diária de péssima informação o coxinha típico passa a se deter sobre o formalismo em detrimento do que é substantivo. Daí o raciocinio: se um concursado ingressou por meio outro que não o “sujo instrumento de recrutamento que é o voto”, logo só pode ser bom. Isso não tem nada a ver com honestidade apenas que se está mais exposto a instrumentos que a atestam ou refutar. No entanto se um político -aquele indesejável, intolerável, intragável – como o Severino Cavalcante usa um expediente pra obter uma propina de dez mil reais, ah ” matem-no!esquartejem-no! Joguem-lhe Merda! E assim é feito. No entanto se um regalado Juiz Federal decide prover a sua operação de um de alguns mimos extraordinários (sem contar a possibilidade de, uma vez delinquindo ser apenas “aposentado” proporcionalmente, ou dos pomposos auxílios e subsidios que se-lhes atribuem ) isso tudo feito sob o manto de uma fachada de legalidade e postulados de uma pseudo ciencia juridica, contra isso, nao há nada que se possa fazer. Então quem de fato esta mais suscetível de ser eficazmente controlado ( inclusive em sua probidade)? Aquele que se submete periodicamente ao controle? Ou aquele contra o qual instrumento algum tem eficácia?

          • MARCOS FERREIRA disse:

            O coxinha ficou sem argumentos!!!!!

          • ernesto disse:

            Repito, é simples: Não fazendo besteira, o concursado e o político têm estabilidade, um para sempre, outro por quatro anos. Já o empregado e o empresário passam por um tipo de escrutínio diário, dos patrões e dos clientes. E o sujeito pode ser correto e mesmo assim perder o emprego ou falir, enquanto muitos safados prosperam. Então:
            1 – Cada atividade tem seu “escrutínio”.
            2 – Passar por ele não é sinônimo de honestidade.
            3 – Tentar confundir as duas coisas é um truque lógico primário, que não diz tanto sobre quem o aplica, mas muito sobre quem cai nele.

      • Carlos disse:

        Mandaram ele copiar este texto. Reparou que logo em seguida vem o amiguinho dele carregando o penico?

    • ernesto disse:

      Estou em dúvida, mas acho que ele quis dizer que o Collor não merecia sofrer o impeachment porque foi eleito e devia ter voltado à presidência depois porque foi eleito de novo. De qualquer modo, se o Lula aparecer por aí pedindo voto não deixe ele entrar na sua casa, senão ele, folgado como só, já vai botando seu quadros na parede, os cremes da mulher no seu banheiro, etc. E se você reclamar ele responde: “Pô, vai pegar meu pé só por causa dos pedalinhos?”.

      • Rui disse:

        Quem te vê assim rosnando vai pensar que tu és o cara mais Ernesto do mundo. Recolha- se a sua ernestidade, cabra da peste. Quem pensa que és para referir-se desta forma ao presidente mais condecorado, mais homenageado, mais laureado em toda a história da humanidade. Quem é o teu líder.? Ja nasceu? Mora no Brasil? Diz aí, quem sabe aí, possamos começar a discutir.

        • ernesto disse:

          Faltou o mais analfabeto, o mais mentiroso, o mais …
          E, “rosnando”, que é isso? Nem antes. No máximo eu ficava um pouco indignado ao ver o meu país nas mãos da gang desse sujeito. Mas, agora que ele está a caminho da cela, mais me divirto ao ver como há gente que ainda consegue ser enrolada pelo sindicalista malandro.

          • Rui disse:

            Faltou dizer o nome do teu líder, esqueceu?

          • ernesto disse:

            É que não tem, filho. Pode ser uma surpresa para você, mas nem todo mundo sente necessidade de ter um ídolo para defender caninamente.

          • Rui disse:

            Então felizmente a discussão acaba aqui. Se você acha que consegue construir um país , simplesmente malhando e enxovalhando um líder respeitado mundialmente por todos e adorado por milhões de brasileiros generosos, inteligentes, sequiosos de uma justiça imparcial e digna, de uma imprensa decente e moderada, de políticos descompromissados com minorias, e não tem um líder para construir este país, só lamento. Fico com o meu que segundo eu é bem melhor que os seus.
            ,

          • Nelson disse:

            O medo de perderem pela quinta vez consecutiva para o “Barbudo” deixa o Ernesto, o Alisson, o Nilo Batista e outros coxinhas em polvorosa. Nessa condição, não conseguem nem pensar mais e desandam a escrever uma montoeira de besteiras.

      • Alisson Souza disse:

        Cremes não, pomadas vaginais!

  25. Messias Franca de Macedo disse:

    Os crimes continuados dos(as) ‘coxinhas’ fomentados pelo PIMG (Partido da Imprensa Mafiosa &$ Golpista) sob o beneplácito da Justiça da Casa Grande

    ###

    https://scontent-gru2-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/14355072_1797072127230472_592387617174187688_n.jpg?oh=bd59531ab7a5f40b94469d73577aadb8&oe=583CFEA1

  26. alvaro disse:

    Os fundamentalistas messiânicos dos 10 mandamentos querem fazer crer que lula é o al capone brasileiro sem que nenhuma prova, sem uma denuncia de intimidação contra ele. São patéticos como a apresentação do power point ( talvez sejam os powers rangers fundamentalistas neoapocalipticos ).

  27. Rui disse:

    A direita está destruindo o Brasil. Este foi o preço da derrubada do PT do poder. Não tiveram paciência e nem teriam capacidade para enfrentar Lula nas urnas em 2018. Por falta de competência e de respaldo popular tiveram que aniquilar todas as forças produtivas e arrasar a economia para alcancar seus objetivos. Virou um vale tudo midiático, jurídico e político para alcançarem a glória. Enganam-se os que pensam que por estas vias lá se perpetuarao. Já já, começarão a colher os frutos da sua imaturidade. Na marra ninguém consegue nada. O povo não é bobo como eles pensam que são. A idiotice jamais vencerá a razão. O ódio nunca derrotará o amor. A verdade vencerá a mentira e a paz e a ordem voltarão a reinar na terra de Cabral.

  28. Messias Franca de Macedo disse:

    A inspiração de Dallagnol para seu power point velhaco.

    Por eminente e impávido jornalista Paulo Nogueira

    Postado em 17/09/2016

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-inspiracao-de-dallagnol-para-seu-power-point-velhaco-por-paulo-nogueira/

  29. Messias Franca de Macedo disse:

    [“Towards Juristocracy ‘braZ$&ilis’”]

    “Este ‘menino maluquinho velhaco’ merece a cadeira de Direito Constitucional (sic) no lugar do ‘TEMERário/TEMERo$$$o’ na Escolinha do ‘fessô’ gilMAU!”
    http://assets2.exame.abril.com.br/assets/images/2016/5/605981/size_810_16_9_sergio-moro-forum-veja.JPG

  30. Messias Franca de Macedo disse:

    “Towards Juristocracy”
    O Avanço do autoritarismo judiciário no Brasil
    http://www.ocafezinho.com/wp-content/uploads/2016/03/presuncao_de_culpa_vitort-e1458302275812.jpg

  31. Messias Franca de Macedo disse:

    INFORMES AOS JORNALISTAS CORRESPONDENTES ESTRANGEIROS!

    Um pouco mais sobre o pacto judiciário brasileiro e os contumazes bandidos blindados criminosamente!
    Sei:
    muito difícil, quase impossível, explicar aos seus lúcidos leitores!

    $$$$$$$$$$$$$$$$$

    “O senador Aécio Neves, um dos cabeças da manobra que resultou no golpe contra Dilma, foi um dos primeiros: logo após ouvir a emotiva defesa pessoal apresentada por Lula da Silva, reclamou da falta de algum tipo de confissão, de mea-culpa por parte dele”, diz o escritor Eric Nepomuceno; “Aécio se esquece que é ele, precisamente, um dos políticos mais denunciados nas delações dentro da Operação Lava-Jato. Claro que ele sabe que jamais deixará de contar com o manto protetor de um sistema judiciário absolutamente politizado, que o vem protegendo de ter que testemunhar, evadindo assim qualquer necessidade de confessar o que seja”

    em
    ‘A hora e a vez de Sua Majestade, a Hipocrisia’

    16 de Setembro de 2016

    (…)

    FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.brasil247.com/pt/colunistas/ericnepomuceno/255698/A-hora-e-a-vez-de-Sua-Majestade-a-Hipocrisia.htm

    • Messias Franca de Macedo disse:

      NOTA DE ESCLARECIMENTOS AOS JORNALISTAS CORRESPONDENTES ESTRANGEIROS!
      No vídeo oficial abaixo produzido pelo próprio Ministério Público Federal, o delator Alexandre ‘Ceará’ “tem a [plena (sic)] convicção de que o DEMoTucano ‘Aécio El Chato Neves’ é o eterno presidente Lula”!
      EM TEMPOS NAZIGOLPISTAS TROPICAIS:
      se virem para explicar aos seus leitores!
      Risos!
      Ô!
      O vídeo oficial produzido pelo próprio Ministério Público Federal e da ‘PORCA-tarefa’ da Operação midiático-golpista ‘Lava [DEMoTucano/PMDBosta a] Jato’
      https://www.youtube.com/watch?v=qqTlEJRV-NI

      • Messias Franca de Macedo disse:

        PAUTA PARA OS JORNALISTAS CORRESPONDENTES ESTRANGEIROS!
        O senhor Fernando Moura “delata o eterno presidente Lula no episódio do 1/3 do PROPINÃO na Petrobras”!
        Ah, não morram de espanto ao escutarem a poderação da procuradora do MP, uma vozinha maviosa – e com muita convicção (sc) – absolutamente imparcial!
        https://www.youtube.com/watch?v=zyHaaHewTFA

  32. JULIO CEZAR DE OLIVEIRA disse:

    PELO AMOR DE DEUS APRESENTEM APENAS UMA PROVA CONTRA O LULA,EU QUERO CONCORDAR COM VOCÊS,MAS VOCÊS NÃO ME DAM ESCOLHA COU TER QUE VOTAR NELE DE NOVO.

  33. Lenita disse:

    Otima idéia, na verdade Lula e Okamoto poderiam convocar a imprensa nacional e internacional para uma coletiva e mostrar todas as caixas e os objetos do acervo devidamente guardados e sem quelquer ajuda do governo com as despesas de deposito. Enfim, deveriam pedir para que o proprio Moro enviasse o acervo para um lugar onde nao houvesse perigos de power point ou convicçoes sem provas.

  34. Celso Junqueira disse:

    Esses bundinhas de Curitiba se fazem de bobos apenas para aparecer. Eles conhecem a legislação que rege o assunto, mas se fazem de desentendidos. O Luiz Inácio deveria juntar todos esses presentes e enviar para o gabinete do juiz cagão de 1a. instância. Ele que fique com tudo e tome conta do acervo.

  35. Ricardo disse:

    – Mais vale uma convicção na mão do que várias leis voando.
    – Uma caneta na mão, e uma convicção na cabeça.
    – Quem não tem prova, cassa com convicção.

  36. Alex disse:

    Muito bonito o texto, mas não sobrevive a qualquer um que tenha capacidade lógica mínima! Ora, bastava que Lula pedisse apoio PÚBLICAMENTE, que choveriam doações e empresários dispostos a preservar este patrimônio! mas não, ele foi cobrar favores “políticos” da OAS! Configurou corrupção sim. Dai a dizer que ele é o “grande líder”, obviamente é um longo caminho, já que os valores recebidos por Lula não chegam a três milhões, equanto um único gerentinho teria recebido mais de 100 na petrobrás. MAS configura que ele se envolveu. Porque ele fez isso? mau assessoramento? ignorância? ganância? vai saber

    E outra: Se a OAS quer doar a Lula, ora declare isso no IMPOSTO DE RENDA.

  37. geraldo disse:

    Tem que precionar este juiz.pois ele não tem prova.

  38. Ricardo disse:

    A necessidade de tentarem achar pelo em ovo é um atestado de honestidade que os adversários dão a Lula.
    Quanto ao armazenamento do acervo, “a OAS assumiu os custos da armazenagem ao longo de cinco anos como apoio ao Instituto Lula, ao custo mensal do armazenamento de R$ 21 mil” (informação do Instituto Lula – http://www.jb.com.br/pais/noticias/2016/03/12/instituto-lula-acusa-procuradores-e-imprensa-de-sensacionalismo-com-acervo/
    Lula fez o que fazem os demais ex-presidentes, pois o acervo é por lei, privado, mas de interesse público, com obrigações de exposição e custos de armazenamento de forma a não se deteriorar. A lei (de FHC) impõe altos gastos aos ex-presidentes mas não disponibiliza recursos públicos para supri-los e por isso, eles recorrem à iniciativa privada por meio de seus institutos ou fundações.
    Nessa reportagem da revista Época ela relata situações semelhantes de FHC e Sarney:
    “Fernando Henrique Cardoso se deparou com o mesmo problema há nove anos. Ele saiu de Brasília com nove caminhões de mudança e precisou de mais de um ano para fundar seu instituto, tempo em que recolheu fundos com a iniciativa privada para custeá-lo. Atualmente, o acervo é mantido no subsolo de um prédio no centro de São Paulo. O local foi equipado com controles de temperatura e umidade. Uma equipe especializada é responsável pela limpeza diária do arquivo. Outra se dedica à montagem de exposições e à manutenção do site. Tudo custa cerca de R$ 100 mil por mês. A maior parte dos recursos é obtida por meio da Lei Rouanet, de incentivo à cultura. Já a Fundação Sarney, em São Luís, no Maranhão, diz depender exclusivamente de doações de recursos privados para se sustentar. A administração dos acervos demanda uma quantidade considerável de trabalho e dinheiro, o que dificilmente permitiria aos ex-presidentes retirar-se da cena pública para uma aposentadoria tranquila, caso eles assim o desejassem”.

    Agora, imagine se os procuradores de pelo em ovo (no caso de Lula somente) descobrissem que o ex-presidente, ainda no exercício do cargo, convocou o dono da Odebrecht e outros empresários à Brasília, para um luxuoso banquete, e lhes solicitasse (e recebesse) dinheiro para criar seu instituto. Esse fato ocorreu, mas o presidente era FHC, do PSDB. Nesse caso, porém, não se tratava do acervo presidencial, mas de GASTOS PESSOAIS, de acordo com o que relata a revista:
    “Foi uma noite de gala. Na segunda-feira, o presidente Fernando Henrique Cardoso reuniu 12 dos maiores empresários do país para um jantar no Palácio da Alvorada, regado a vinho francês Château Pavie, de Saint Émilion (US$ 150 a garrafa, nos restaurantes de Brasília). Durante as quase três horas em que saborearam o cardápio preparado pela chef Roberta Sudbrack – ravióli de aspargos, seguido de foie gras, perdiz acompanhada de penne e alcachofra e rabanada de frutas vermelhas -, FHC aproveitou para passar o chapéu.
    Após uma rápida discussão sobre valores, os 12 comensais do presidente se comprometeram a fazer uma doação conjunta de R$ 7 milhões à ONG que Fernando Henrique Cardoso passará a presidir assim que deixar o Planalto em janeiro e levará seu nome: Instituto Fernando Henrique Cardoso (IFHC).
    O dinheiro fará parte de um fundo que financiará palestras, cursos, viagens ao Exterior do futuro ex-presidente e servirá também para trazer ao Brasil convidados estrangeiros ilustres”. (Revista Época).
    Como o MPF, o Janot, a Lava Jato, explicam essa discrepância de tratamento aos ex-presidentes da república? Procuradores que procuram pêlo em ovo, no caso de Lula, e procuram tapar o sol com a peneira, no caso de FHC.

  39. henrique de oliveira disse:

    Sera que é com o caso Banestado que Moro é chantageado ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *